Região

24 fev 20 | 9h08 Por Jocimar Soares

OUÇA: Sindicato patronal do setor de metalmecânica se manifesta sobre negociações salariais

Entidade ligada aos trabalhadores havia se manifestado nos últimos dias sobre a proposta dos empresários e a possibilidade de estado de greve.

OUÇA: Sindicato patronal do setor de metalmecânica se manifesta sobre negociações salariais
Escute
Imprimir

Depois do anúncio do sindicato laboral em fazer uma assembleia nos próximos dias para deliberar para um estado de greve, o sindicato patronal se manifesta para contrapor alguns pontos alegados pelo sindicato dos trabalhadores para deliberar pelo possível movimento. O assunto foi abordado pela reportagem da Rádio Aliança no último dia 17, com representantes do sindicato laboral. A classe alegou que queria um aumento real de 5%, ante 0,52% proposto pelo patronal, além do atendimento de outras pautas.


Conforme já informado pela Rádio Aliança, o sindicato laboral estará realizando greve no próximo dia 28 para deliberar sobre a pauta enviada pelo patronal e tratada como proposta final.


Em entrevista a Rádio Aliança na manhã desta segunda-feira, dia 24, o presidente do sindicato patronal das empresas metalmecânica, metalúrgica e de reparação de Concórdia e Região, Álvaro Luiz de Mendonça, expôs a posição dos empresários sobre essa negociação salarial (OUÇA).

24 fev 20 | 9h08 Por Jocimar Soares

OUÇA: Sindicato patronal do setor de metalmecânica se manifesta sobre negociações salariais

Entidade ligada aos trabalhadores havia se manifestado nos últimos dias sobre a proposta dos empresários e a possibilidade de estado de greve.

OUÇA: Sindicato patronal do setor de metalmecânica se manifesta sobre negociações salariais

Depois do anúncio do sindicato laboral em fazer uma assembleia nos próximos dias para deliberar para um estado de greve, o sindicato patronal se manifesta para contrapor alguns pontos alegados pelo sindicato dos trabalhadores para deliberar pelo possível movimento. O assunto foi abordado pela reportagem da Rádio Aliança no último dia 17, com representantes do sindicato laboral. A classe alegou que queria um aumento real de 5%, ante 0,52% proposto pelo patronal, além do atendimento de outras pautas.


Conforme já informado pela Rádio Aliança, o sindicato laboral estará realizando greve no próximo dia 28 para deliberar sobre a pauta enviada pelo patronal e tratada como proposta final.


Em entrevista a Rádio Aliança na manhã desta segunda-feira, dia 24, o presidente do sindicato patronal das empresas metalmecânica, metalúrgica e de reparação de Concórdia e Região, Álvaro Luiz de Mendonça, expôs a posição dos empresários sobre essa negociação salarial (OUÇA).