Região

30 out 19 | 8h16 Por Cristiano Mortari

Hospital Piratuba/Ipira passa, a partir de hoje, a realizar cirurgias de catarata via SUS

Só nesta quarta-feira, 14 procedimentos estão agendados

Hospital Piratuba/Ipira passa, a partir de hoje, a realizar cirurgias de catarata via SUS
Imprimir

A Sociedade Beneficente Hospital Piratuba/Ipira passou a oferecer cirurgias de catarata ainda na metade deste ano, mas de forma particular. Desde que o serviço iniciou, também começou um trabalho da equipe do Hospital e das Secretarias de Saúde de Piratuba e Ipira, para cadastrar a instituição no SUS, com o objetivo de oferecer as cirurgias de graça. Recentemente o Estado cadastrou o Hospital e agora a população pode fazer o procedimento sem custo. Nesta quarta-feira, dia 30, já serão realizadas 14 cirurgias. São 13 pacientes de Ipira e um de Piratuba.


O presidente do Hospital, Herto Alberto Horn destaca que a novidade é mais uma conquista da entidade e da população. “Desde do fim de 2018, quando não pudemos maios fazer o acolhimento de idosos, iniciamos a busca de novas alternativas de renda para o Hospital. Junto com os secretários de Saúde de Piratuba e de Ipira, Vanderlei Weber e Marcelo Minks e com nosso diretor, Tiago Bresolin, fomos em busca de novidades”, conta. “Conversando com médicos e equipes de saúde do Estado, manifestamos o interesse em disponibilizar nossa entidade para as cirurgias de catarata. No primeiro momento conseguimos de forma particular, mas sempre buscamos também via SUS”, detalha Horn.


Depois de quatro meses de trabalho a entidade conseguiu o cadastro no SUS e está apto a realizar 300 cirurgias de graça à população até dezembro. Municípios de toda AMAUC podem encaminhar pacientes através dos mutirões que são realizados. “Destaco aqui o trabalho do Marcelo Minks de Ipira, pois ele é que foi o idealizador e nos ajudou muito para que isso acontecesse. E eu digo desde o início do trabalho, que não estamos focados somente no recurso para o Hospital, mas sim, na comunidade, nossa meta é atender bem a população. Piratubenses e ipirense terão o atendimento “em casa” e os pacientes da AMAUC também serão atendidos da melhor forma possível”, destaca o presidente da entidade.


O quadro de profissionais que vai realizar os procedimentos conta com três médicos oftalmologistas, anestesistas e a equipe de enfermagem do Hospital. Ipira tem mais pacientes agendados para esta primeira leva de cirurgias, porque iniciou o cadastro antes. As consultas e procedimentos necessários já foram realizados. “Quem necessita de cirurgia deve procurar a Secretaria de Saúde do município onde reside. O encaminhamento é feito por eles e sem custo nenhum”, finaliza Horn.


30 out 19 | 8h16 Por Cristiano Mortari

Hospital Piratuba/Ipira passa, a partir de hoje, a realizar cirurgias de catarata via SUS

Só nesta quarta-feira, 14 procedimentos estão agendados

Hospital Piratuba/Ipira passa, a partir de hoje, a realizar cirurgias de catarata via SUS

A Sociedade Beneficente Hospital Piratuba/Ipira passou a oferecer cirurgias de catarata ainda na metade deste ano, mas de forma particular. Desde que o serviço iniciou, também começou um trabalho da equipe do Hospital e das Secretarias de Saúde de Piratuba e Ipira, para cadastrar a instituição no SUS, com o objetivo de oferecer as cirurgias de graça. Recentemente o Estado cadastrou o Hospital e agora a população pode fazer o procedimento sem custo. Nesta quarta-feira, dia 30, já serão realizadas 14 cirurgias. São 13 pacientes de Ipira e um de Piratuba.


O presidente do Hospital, Herto Alberto Horn destaca que a novidade é mais uma conquista da entidade e da população. “Desde do fim de 2018, quando não pudemos maios fazer o acolhimento de idosos, iniciamos a busca de novas alternativas de renda para o Hospital. Junto com os secretários de Saúde de Piratuba e de Ipira, Vanderlei Weber e Marcelo Minks e com nosso diretor, Tiago Bresolin, fomos em busca de novidades”, conta. “Conversando com médicos e equipes de saúde do Estado, manifestamos o interesse em disponibilizar nossa entidade para as cirurgias de catarata. No primeiro momento conseguimos de forma particular, mas sempre buscamos também via SUS”, detalha Horn.


Depois de quatro meses de trabalho a entidade conseguiu o cadastro no SUS e está apto a realizar 300 cirurgias de graça à população até dezembro. Municípios de toda AMAUC podem encaminhar pacientes através dos mutirões que são realizados. “Destaco aqui o trabalho do Marcelo Minks de Ipira, pois ele é que foi o idealizador e nos ajudou muito para que isso acontecesse. E eu digo desde o início do trabalho, que não estamos focados somente no recurso para o Hospital, mas sim, na comunidade, nossa meta é atender bem a população. Piratubenses e ipirense terão o atendimento “em casa” e os pacientes da AMAUC também serão atendidos da melhor forma possível”, destaca o presidente da entidade.


O quadro de profissionais que vai realizar os procedimentos conta com três médicos oftalmologistas, anestesistas e a equipe de enfermagem do Hospital. Ipira tem mais pacientes agendados para esta primeira leva de cirurgias, porque iniciou o cadastro antes. As consultas e procedimentos necessários já foram realizados. “Quem necessita de cirurgia deve procurar a Secretaria de Saúde do município onde reside. O encaminhamento é feito por eles e sem custo nenhum”, finaliza Horn.