Polícia

08 nov 19 | 16h05 Por Jocimar Soares

Caminhoneiro concordiense é localizado em Minas Gerais

Edson Engel foi vítima de assalto, quando transportava uma carga de leite para Goiás.

Caminhoneiro concordiense é localizado em Minas Gerais
Imprimir

O motorista de caminhão, Edson Engel, que estava desaparecido desde a quinta-feira, dia 7, foi localizado na tarde desta sexta-feira, dia 7. Ele estava trancado dentro do próprio caminhão, que foi abandonado na cidade de Frutal, em Minas Gerais.


De acordo com informações de familiares, ele está vivo e está sendo encaminhado para atendimento médico, uma vez que pode ter sido dopado pelos bandidos. A suspeita de assalto foi confirmada. Porém, foram levados somente dinheiro e documentos. O caminhão com a carga não forram roubados.


Conforme informado pela Rádio Aliança, o caminhão que ele dirigia perdeu o sinal do rastreador na quinta-feira, dia 7. Desde então, ele não manteve mais contato com a família e com a empresa proprietária do caminhão. Nesse período, ele ficou refém dos bandidos, que tomaram o caminhão de assalto.


Ele levava uma carga de leite, carregada na cidade de Maravilha e o destino era o estado de Goiás.

08 nov 19 | 16h05 Por Jocimar Soares

Caminhoneiro concordiense é localizado em Minas Gerais

Edson Engel foi vítima de assalto, quando transportava uma carga de leite para Goiás.

Caminhoneiro concordiense é localizado em Minas Gerais

O motorista de caminhão, Edson Engel, que estava desaparecido desde a quinta-feira, dia 7, foi localizado na tarde desta sexta-feira, dia 7. Ele estava trancado dentro do próprio caminhão, que foi abandonado na cidade de Frutal, em Minas Gerais.


De acordo com informações de familiares, ele está vivo e está sendo encaminhado para atendimento médico, uma vez que pode ter sido dopado pelos bandidos. A suspeita de assalto foi confirmada. Porém, foram levados somente dinheiro e documentos. O caminhão com a carga não forram roubados.


Conforme informado pela Rádio Aliança, o caminhão que ele dirigia perdeu o sinal do rastreador na quinta-feira, dia 7. Desde então, ele não manteve mais contato com a família e com a empresa proprietária do caminhão. Nesse período, ele ficou refém dos bandidos, que tomaram o caminhão de assalto.


Ele levava uma carga de leite, carregada na cidade de Maravilha e o destino era o estado de Goiás.