Agronegócio

18 jun 20 | 8h19 Por André Krüger

Plano Safra 2020/2021 terá R$ 236,3 bilhões

O Plano Safra tem três linhas de crédito

Plano Safra 2020/2021 terá R$ 236,3 bilhões
Imprimir

O governo federal lançou nesta quarta-feira o Plano Safra 2020/2021. A solenidade ocorreu no Palácio do Planalto. Dessa vez, o volume de recursos destinados ao crédito rural será de R$ 154,3 bilhões com juros controlados e R$ 82 bilhões com juros livres.



De acordo com a ministra, a safra atual, 2019/2020 deve encerrar com alta de 3,5% em relação à anterior. Isso significa a produção recorde de 250,5 milhões de toneladas de alimentos.


O Plano Safra tem três linhas de crédito. O Pronaf, para agricultura familiar, vai oferecer R$ 33 bilhões em créditos, alta de 5,7% em relação à safra atual. O Pronamp, para agricultores médios, teve alta de 25% e vai oferecer R$ 33,2 bilhões. Já o crédito para os grandes produtores e cooperativas teve aumento de 3% e chegou a R$ 170,17 bilhões.

18 jun 20 | 8h19 Por André Krüger

Plano Safra 2020/2021 terá R$ 236,3 bilhões

O Plano Safra tem três linhas de crédito

Plano Safra 2020/2021 terá R$ 236,3 bilhões

O governo federal lançou nesta quarta-feira o Plano Safra 2020/2021. A solenidade ocorreu no Palácio do Planalto. Dessa vez, o volume de recursos destinados ao crédito rural será de R$ 154,3 bilhões com juros controlados e R$ 82 bilhões com juros livres.



De acordo com a ministra, a safra atual, 2019/2020 deve encerrar com alta de 3,5% em relação à anterior. Isso significa a produção recorde de 250,5 milhões de toneladas de alimentos.


O Plano Safra tem três linhas de crédito. O Pronaf, para agricultura familiar, vai oferecer R$ 33 bilhões em créditos, alta de 5,7% em relação à safra atual. O Pronamp, para agricultores médios, teve alta de 25% e vai oferecer R$ 33,2 bilhões. Já o crédito para os grandes produtores e cooperativas teve aumento de 3% e chegou a R$ 170,17 bilhões.