Geral

09 out 21 | 6h00 Por Jocimar Soares

Pesquisadoras da UnC entre as mais influentes do mundo

Estudo é da AD Scientific Index, divulgado nesta semana

Pesquisadoras da UnC entre as mais influentes do mundo
Imprimir

As professoras Doutoras Aline Viancelli, de Concórdia, e Fabiana Ludka, de Canoinhas, da UnC estão no ranking dos pesquisadores mais influentes do mundo, de acordo com o estudo “AD Scientific Index - Scientist Rankings – 2021”, divulgado nesta semana.


O ranking científico é uma das várias formas utilizadas para mensurar o impacto/influência dos cientistas do mundo todo. A metodologia levou em consideração a produção científica dos últimos cinco anos de cada cientista, utilizando nove parâmetros para chegar ao índice. Foram avaliados cientistas de diferentes áreas do conhecimento de 13.600 universidades de 206 países e de 11 regiões do mundo, entre as quais África, Ásia, Europa, América do Norte, América Latina, BRICS, entre outros.


“Estar nesta lista, ao lado de tantos cientistas renomados e ao qual nos espelhamos, é uma honra e uma felicidade sem tamanho. É claro que não cheguei até aqui sozinha. Espero que esta conquista seja vista como um incentivo para outros pesquisadores continuarem na luta pela ciência e pela divulgação científica”, afirma a doutora Aline Viancelli.

 

Para a doutora Fabiana Ludka ter o nome citado no ranking mostra que o trabalho realizado até aqui está no caminho certo. “Esse reconhecimento é uma coroação a todo o trabalho que realizo na área da pesquisa ao longo dos anos, principalmente na área de Neurociência, pela qual sou uma apaixonada”. Fabiana disse que ficou muito emocionada porque, ao realizar um resgate cronológico da sua trajetória, recordou que iniciou a carreira científica na UnC. “Sou egressa do Curso de Farmácia da UnC e o meu primeiro acesso à pesquisa foi como bolsista de projeto de iniciação científica na área de Neurociência, que teve financiamento do FAP, bolsa própria da UnC. É muito gratificante e bom saber que é possível fazer a diferença”, pontua. 


A professora Aline também é egressa da UnC, formada no Curso de Ciências Biológicas. “Sou apenas uma dos muitos exemplos de profissionais que alcançaram seus sonhos tendo a UNC como base. Desde 2012 estou atuando na Universidade como docente e pesquisadora, tanto nos cursos de graduação como no mestrado, e desde o início o meu propósito foi influenciar positivamente a vida das pessoas e levar o nome da minha universidade cada vez mais longe”.


Trajetória


A Professora Aline Viancelli – Graduada em Ciências Biológicas (Licenciatura e Bacharelado) pela Universidade do Contestado, Campus Concórdia; em Química (Licenciatura) pela Universidade Norte do Paraná. Mestrado em Ecologia pela UFSC. 


Doutora em Biotecnologia e Biociências pela UFSC - área de concentração Microbiologia e Parasitologia. Pós-doutora em Tratamento de Efluentes (2012). Atualmente é professora titular na Universidade do Contestado - campus Concórdia, atuando na área de microbiologia ambiental. É professora permanente e coordenadora do Programa de Mestrado Profissional em Engenharia Civil, Sanitária e Ambiental. É Pesquisadora e líder do Grupo de Pesquisa em Engenharia, Desempenho e Qualidade Ambiental - GEDEQ, e do Grupo de Pesquisa e Extensão na Gestão de Riscos em Desastres - GEGRID. Atua principalmente no campo da Microbiologia, Virologia Ambiental, Qualidade de água; Reuso de água e tratamento de efluentes da suinocultura.


Professora Fabiana Ludka - Possui graduação em Química pela Faculdade Estadual de Filosofia Ciências e Letras e graduação em Farmácia pela Universidade do Contestado, Campus Canoinhas. É Mestre em Neurociências e Doutora em Bioquímica pela Universidade Federal de Santa Catarina. Atua no quadro de professores da Universidade do Contestado desde 2009. Foi coordenadora do Curso de Farmácia e atualmente é Diretora do Campus Universitário de Canoinhas. 


Atua como pesquisadora na linha de pesquisa sobre Neuroquímica e Neurobiologia. Está alocada no laboratório de Pesquisa em Psicofarmacologia onde desenvolve pesquisas relacionadas aos mecanismos fisiopatológicos da depressão e estratégicas farmacológicas de tratamento. É líder do Grupo de Pesquisa Neurociência e Saúde, com experiência na área de Neuroquímica e atua principalmente nos seguintes temas: depressão, neuroproteção, saúde mental e modulação do sistema glutamatérgico.


(Fonte: UnC)

09 out 21 | 6h00 Por Jocimar Soares

Pesquisadoras da UnC entre as mais influentes do mundo

Estudo é da AD Scientific Index, divulgado nesta semana

Pesquisadoras da UnC entre as mais influentes do mundo

As professoras Doutoras Aline Viancelli, de Concórdia, e Fabiana Ludka, de Canoinhas, da UnC estão no ranking dos pesquisadores mais influentes do mundo, de acordo com o estudo “AD Scientific Index - Scientist Rankings – 2021”, divulgado nesta semana.


O ranking científico é uma das várias formas utilizadas para mensurar o impacto/influência dos cientistas do mundo todo. A metodologia levou em consideração a produção científica dos últimos cinco anos de cada cientista, utilizando nove parâmetros para chegar ao índice. Foram avaliados cientistas de diferentes áreas do conhecimento de 13.600 universidades de 206 países e de 11 regiões do mundo, entre as quais África, Ásia, Europa, América do Norte, América Latina, BRICS, entre outros.


“Estar nesta lista, ao lado de tantos cientistas renomados e ao qual nos espelhamos, é uma honra e uma felicidade sem tamanho. É claro que não cheguei até aqui sozinha. Espero que esta conquista seja vista como um incentivo para outros pesquisadores continuarem na luta pela ciência e pela divulgação científica”, afirma a doutora Aline Viancelli.

 

Para a doutora Fabiana Ludka ter o nome citado no ranking mostra que o trabalho realizado até aqui está no caminho certo. “Esse reconhecimento é uma coroação a todo o trabalho que realizo na área da pesquisa ao longo dos anos, principalmente na área de Neurociência, pela qual sou uma apaixonada”. Fabiana disse que ficou muito emocionada porque, ao realizar um resgate cronológico da sua trajetória, recordou que iniciou a carreira científica na UnC. “Sou egressa do Curso de Farmácia da UnC e o meu primeiro acesso à pesquisa foi como bolsista de projeto de iniciação científica na área de Neurociência, que teve financiamento do FAP, bolsa própria da UnC. É muito gratificante e bom saber que é possível fazer a diferença”, pontua. 


A professora Aline também é egressa da UnC, formada no Curso de Ciências Biológicas. “Sou apenas uma dos muitos exemplos de profissionais que alcançaram seus sonhos tendo a UNC como base. Desde 2012 estou atuando na Universidade como docente e pesquisadora, tanto nos cursos de graduação como no mestrado, e desde o início o meu propósito foi influenciar positivamente a vida das pessoas e levar o nome da minha universidade cada vez mais longe”.


Trajetória


A Professora Aline Viancelli – Graduada em Ciências Biológicas (Licenciatura e Bacharelado) pela Universidade do Contestado, Campus Concórdia; em Química (Licenciatura) pela Universidade Norte do Paraná. Mestrado em Ecologia pela UFSC. 


Doutora em Biotecnologia e Biociências pela UFSC - área de concentração Microbiologia e Parasitologia. Pós-doutora em Tratamento de Efluentes (2012). Atualmente é professora titular na Universidade do Contestado - campus Concórdia, atuando na área de microbiologia ambiental. É professora permanente e coordenadora do Programa de Mestrado Profissional em Engenharia Civil, Sanitária e Ambiental. É Pesquisadora e líder do Grupo de Pesquisa em Engenharia, Desempenho e Qualidade Ambiental - GEDEQ, e do Grupo de Pesquisa e Extensão na Gestão de Riscos em Desastres - GEGRID. Atua principalmente no campo da Microbiologia, Virologia Ambiental, Qualidade de água; Reuso de água e tratamento de efluentes da suinocultura.


Professora Fabiana Ludka - Possui graduação em Química pela Faculdade Estadual de Filosofia Ciências e Letras e graduação em Farmácia pela Universidade do Contestado, Campus Canoinhas. É Mestre em Neurociências e Doutora em Bioquímica pela Universidade Federal de Santa Catarina. Atua no quadro de professores da Universidade do Contestado desde 2009. Foi coordenadora do Curso de Farmácia e atualmente é Diretora do Campus Universitário de Canoinhas. 


Atua como pesquisadora na linha de pesquisa sobre Neuroquímica e Neurobiologia. Está alocada no laboratório de Pesquisa em Psicofarmacologia onde desenvolve pesquisas relacionadas aos mecanismos fisiopatológicos da depressão e estratégicas farmacológicas de tratamento. É líder do Grupo de Pesquisa Neurociência e Saúde, com experiência na área de Neuroquímica e atua principalmente nos seguintes temas: depressão, neuroproteção, saúde mental e modulação do sistema glutamatérgico.


(Fonte: UnC)