Geral

17 mar 20 | 19h16 Por Analu Slongo

Jaderson Miguel Prudente assina filiação ao PL - OUÇA

Com essa mudança, partido fica com cinco vereadores no Legislativo de Concórdia

Jaderson Miguel Prudente assina filiação ao PL - OUÇA
Escute
Imprimir

O vereador Jaderson Miguel Prudente assinou nesta terça-feira, 17 de março, a filiação ao Partido Liberal (PL) de Concórdia. Jaderson saiu do PSD e diz que essa decisão foi estratégica para as eleições municipais deste ano (ouça o áudio acima).


Com essa mudança, o PL que já tinha a maior bancada na Câmara de Vereadores de Concórdia, quatro legisladores, ampliou ainda mais a base passando para cinco. Também existe a possibilidade de o presidente da Casa, Mauro Fretta (PSB), se filiar à sigla.


O coordenador regional do PL e vice-prefeito de Concórdia, Edilson Massocco, diz que o partido terá uma nominata forte para a disputa de outubro. Sobre as composições para a majoritária, Massocco afirma que há uma intenção do partido em manter a coligação com PSDB do prefeito Rogério Pacheco, mas isso ainda é oficial. Ele não descarta a possibilidade de concorrer ao cargo de prefeito, caso essa seja a estratégia mais viável ao Partido Liberal nas eleições de 2020. 

17 mar 20 | 19h16 Por Analu Slongo

Jaderson Miguel Prudente assina filiação ao PL - OUÇA

Com essa mudança, partido fica com cinco vereadores no Legislativo de Concórdia

Jaderson Miguel Prudente assina filiação ao PL - OUÇA

O vereador Jaderson Miguel Prudente assinou nesta terça-feira, 17 de março, a filiação ao Partido Liberal (PL) de Concórdia. Jaderson saiu do PSD e diz que essa decisão foi estratégica para as eleições municipais deste ano (ouça o áudio acima).


Com essa mudança, o PL que já tinha a maior bancada na Câmara de Vereadores de Concórdia, quatro legisladores, ampliou ainda mais a base passando para cinco. Também existe a possibilidade de o presidente da Casa, Mauro Fretta (PSB), se filiar à sigla.


O coordenador regional do PL e vice-prefeito de Concórdia, Edilson Massocco, diz que o partido terá uma nominata forte para a disputa de outubro. Sobre as composições para a majoritária, Massocco afirma que há uma intenção do partido em manter a coligação com PSDB do prefeito Rogério Pacheco, mas isso ainda é oficial. Ele não descarta a possibilidade de concorrer ao cargo de prefeito, caso essa seja a estratégia mais viável ao Partido Liberal nas eleições de 2020.