Coronavírus

13 abr 21 | 9h24 Por Jocimar Soares

Pouca alteração em novo Decreto Municipal, publicado em Concórdia

Principal alteração é a permissão de que outras equipes possam mandar seus jogos em Concórdia e de competições da Fesporte

Pouca alteração em novo Decreto Municipal, publicado  em Concórdia
Imprimir

A Administração Municipal Editou novo Decreto Municipal que estabelece o regramento para o trabalho de enfrentamento ao coronavírus. A validade do documento anterior expirou no fim da noite da segunda-feira, dia 12, quando foi publicado o documento de número 6.642. A única alteração neste está no Artigo 7º, que trata de eventos esportivos de caráter profissional, organizados pela iniciativa privada por meio de entidades da Administração Municipal ou pela Fesporte, que para serem autorizados deverão observar as regras de prevenção definidas pela autoridade estadual de saúde.


Em síntese, o Decreto anterior proibia, por exemplo, outras equipes que disputam o Campeonato Catarinense, de mandarem seus jogos em Concórdia. Agora, isso é permitido, bem como eventos da Fundação Catarinense de Esportes. Porém, o parágrafo único só permite a realização de treinamentos pelas equipes que representam o Município.


Os demais artigos do Decreto anterior continuam tendo validade, alguns mais restritivos que o Decreto Estadual, que foi prorrogado ainda no fim de semana. Dentre eles, a proibição de apresentação de artistas em bares, restaurantes, pizzarias e afins e a abertura e permanência de pessoas em qualquer situação em espaços públicos como praças e parques.


Esse decreto irá até o dia 26 de abril, podendo sofrer alterações conforme a matriz de risco.

13 abr 21 | 9h24 Por Jocimar Soares

Pouca alteração em novo Decreto Municipal, publicado em Concórdia

Principal alteração é a permissão de que outras equipes possam mandar seus jogos em Concórdia e de competições da Fesporte

Pouca alteração em novo Decreto Municipal, publicado  em Concórdia

A Administração Municipal Editou novo Decreto Municipal que estabelece o regramento para o trabalho de enfrentamento ao coronavírus. A validade do documento anterior expirou no fim da noite da segunda-feira, dia 12, quando foi publicado o documento de número 6.642. A única alteração neste está no Artigo 7º, que trata de eventos esportivos de caráter profissional, organizados pela iniciativa privada por meio de entidades da Administração Municipal ou pela Fesporte, que para serem autorizados deverão observar as regras de prevenção definidas pela autoridade estadual de saúde.


Em síntese, o Decreto anterior proibia, por exemplo, outras equipes que disputam o Campeonato Catarinense, de mandarem seus jogos em Concórdia. Agora, isso é permitido, bem como eventos da Fundação Catarinense de Esportes. Porém, o parágrafo único só permite a realização de treinamentos pelas equipes que representam o Município.


Os demais artigos do Decreto anterior continuam tendo validade, alguns mais restritivos que o Decreto Estadual, que foi prorrogado ainda no fim de semana. Dentre eles, a proibição de apresentação de artistas em bares, restaurantes, pizzarias e afins e a abertura e permanência de pessoas em qualquer situação em espaços públicos como praças e parques.


Esse decreto irá até o dia 26 de abril, podendo sofrer alterações conforme a matriz de risco.