Coronavírus

10 ago 20 | 16h23 Por Jocimar Soares

Hodierna confirma volta do transporte coletivo para esta terça-feira

Sistema esteve parado na última semana por força de Decreto Estadual

Hodierna confirma volta do transporte coletivo para esta terça-feira
Imprimir

O sistema de transporte coletivo urbano de passageiros de Concórdia estará retornando às atividades nesta terça-feira, dia 11. A informação foi confirmada no começo da tarde desta segunda-feira, dia 10, pela direção da Hodierna, que opera o transporte de passageiros em Concórdia.


Conforme informações apuradas pela Rádio Aliança, o Decreto Municipal, publicado nos últimos dias, que prevê a lotação máxima em cada veículo de 50% da capacidade, estará valendo. Do mesmo modo, estarão valendo os horários e itinerário dos veículos.


Conforme a empresa, os protocolos de higienização e desinfecção dos veículos também terão prosseguimento.


A empresa Hodierna, por força de Decreto Estadual, não circulou durante parte da última semana. A proibição do transporte coletivo havia sido baixada pelo governador Carlos Moisés da Silva para evitar o avanço do coronavírus, já que a microrregião de saúde estava com o status de Risco Gravíssimo para o contágio da doença, o que impôs uma série de medidas de contingenciamento, entre elas a suspensão do transporte público.

10 ago 20 | 16h23 Por Jocimar Soares

Hodierna confirma volta do transporte coletivo para esta terça-feira

Sistema esteve parado na última semana por força de Decreto Estadual

Hodierna confirma volta do transporte coletivo para esta terça-feira

O sistema de transporte coletivo urbano de passageiros de Concórdia estará retornando às atividades nesta terça-feira, dia 11. A informação foi confirmada no começo da tarde desta segunda-feira, dia 10, pela direção da Hodierna, que opera o transporte de passageiros em Concórdia.


Conforme informações apuradas pela Rádio Aliança, o Decreto Municipal, publicado nos últimos dias, que prevê a lotação máxima em cada veículo de 50% da capacidade, estará valendo. Do mesmo modo, estarão valendo os horários e itinerário dos veículos.


Conforme a empresa, os protocolos de higienização e desinfecção dos veículos também terão prosseguimento.


A empresa Hodierna, por força de Decreto Estadual, não circulou durante parte da última semana. A proibição do transporte coletivo havia sido baixada pelo governador Carlos Moisés da Silva para evitar o avanço do coronavírus, já que a microrregião de saúde estava com o status de Risco Gravíssimo para o contágio da doença, o que impôs uma série de medidas de contingenciamento, entre elas a suspensão do transporte público.