Região

14 jan 21 | 13h50 Por Cristiano Mortari

ONG de proteção animal de Irani solicita auxílio financeiro da Prefeitura para manter atividades

Uma reunião com o prefeito Vanderlei Canci já foi realizada e as integrantes da ONG argumentaram a necessidade de apoio

ONG de proteção animal de Irani solicita auxílio financeiro da Prefeitura para manter atividades
Imprimir

Integrantes da ONG Emergência Animal de Irani estiveram com o novo prefeito do município, Vanderlei Canci, na última semana. Na pauta da conversa, a solicitação de um auxílio financeiro da Prefeitura à entidade, que presta serviços voluntários.


De acordo com uma das integrantes da Emergência Animal, Michely Ronchetti, a ONG necessita do apoio para dar sequência às atividades. “Todos sabem que a ONG não tem fins lucrativos, nós somos um grupo que dispõem de tempo e de dinheiro do próprio bolso para prestar atendimento aos animais. Então a gente quer um auxílio financeiro, seja mensal, semestral ou anual, para manter o atendimento veterinário para animais resgatados e para procedimentos de castração”, conta ela. “Também solicitamos auxílio da Vigilância Sanitária no trabalho de fiscalização”, registra.


Michely relata que as voluntárias saíram da reunião com boa expectativa. “Saímos com esperança de que teremos apoio para seguir nosso trabalho. O prefeito nos ouviu e pediu que a gente apresente um projeto, que demonstre os serviços prestados e as despesas”, destaca.


Em entrevista ao Canal 101 da Aliança FM o prefeito Vanderlei Canci confirmou que aguarda um relatório de atividades da ONG para avaliar a possibilidade de um auxílio.


A ONG em Irani:

A Emergência Animal existe há cerca de 20 anos e atualmente conta com 17 voluntárias. Elas resgatam animais de rua, abandonados ou feridos, fazem averiguação de denúncias de maus tratos e encaminham ao atendimento veterinário. Elas também encaminham cães e gatos para lares temporários e alimentam bichos em bairros, onde as famílias têm dificuldade com a compra de ração. 


14 jan 21 | 13h50 Por Cristiano Mortari

ONG de proteção animal de Irani solicita auxílio financeiro da Prefeitura para manter atividades

Uma reunião com o prefeito Vanderlei Canci já foi realizada e as integrantes da ONG argumentaram a necessidade de apoio

ONG de proteção animal de Irani solicita auxílio financeiro da Prefeitura para manter atividades

Integrantes da ONG Emergência Animal de Irani estiveram com o novo prefeito do município, Vanderlei Canci, na última semana. Na pauta da conversa, a solicitação de um auxílio financeiro da Prefeitura à entidade, que presta serviços voluntários.


De acordo com uma das integrantes da Emergência Animal, Michely Ronchetti, a ONG necessita do apoio para dar sequência às atividades. “Todos sabem que a ONG não tem fins lucrativos, nós somos um grupo que dispõem de tempo e de dinheiro do próprio bolso para prestar atendimento aos animais. Então a gente quer um auxílio financeiro, seja mensal, semestral ou anual, para manter o atendimento veterinário para animais resgatados e para procedimentos de castração”, conta ela. “Também solicitamos auxílio da Vigilância Sanitária no trabalho de fiscalização”, registra.


Michely relata que as voluntárias saíram da reunião com boa expectativa. “Saímos com esperança de que teremos apoio para seguir nosso trabalho. O prefeito nos ouviu e pediu que a gente apresente um projeto, que demonstre os serviços prestados e as despesas”, destaca.


Em entrevista ao Canal 101 da Aliança FM o prefeito Vanderlei Canci confirmou que aguarda um relatório de atividades da ONG para avaliar a possibilidade de um auxílio.


A ONG em Irani:

A Emergência Animal existe há cerca de 20 anos e atualmente conta com 17 voluntárias. Elas resgatam animais de rua, abandonados ou feridos, fazem averiguação de denúncias de maus tratos e encaminham ao atendimento veterinário. Elas também encaminham cães e gatos para lares temporários e alimentam bichos em bairros, onde as famílias têm dificuldade com a compra de ração.