Região

03 set 20 | 22h03 Por Cristiano Mortari

Morador de Irani encontra carteira com mais de R$ 1.400,00 em rodovia e devolve ao dono

Ele solicitou ajuda da Polícia Militar Rodoviária para identificar o proprietário. Fato aconteceu na quinta-feira

Morador de Irani encontra carteira com mais de R$ 1.400,00 em rodovia e devolve ao dono
Imprimir

O morador de Irani, Rômulo Willian da Rosa, deu exemplo de honestidade na tarde de quinta-feira, dia 03. Ele encontrou uma carteira com R$ 1.450,00 em uma rodovia e, com ajuda da Polícia Militar Rodoviária, devolveu ao dono.  O fato aconteceu na SC-155, próximo ao município de Abelardo Luz.


Em entrevista ao Jornalismo da Rádio Aliança, da Rosa contou que retornava do Paraná, onde foi prestar um serviço. Ele transitava pela SC-155 e percebeu que uma carreta passou por cima de uma carteira que estava no asfalto e espalhou o dinheiro na pista. “Parei meu carro e recolhi o dinheiro e os documentos. De imediato acionei a Polícia Militar Rodoviária de Bom Jesus e solicitei que abordassem o caminhão. Acreditei que a carteira tinha caído do veículo”, relatou. “Os policiais abordaram o condutor, mas a carteira não era dele. Então, com os documentos em mãos, a guarnição buscou os dados no sistema e descobriu que a carteira era de um morador de Abelardo Luz. A Polícia conseguiu o contato, ligamos e aguardamos ele no Posto da PRE para fazer a entrega”, explicou Rômulo.


O dono do dinheiro foi ao local, conferiu tudo e agradeceu, confirmando que o valor total que ele havia perdido, estava sendo devolvido. Rômulo destacou que mesmo em momento de crise, não pensou duas vezes. “Fiz para ele o que eu gostaria que fizessem comigo. Meu pensamento foi devolver na hora e fico feliz por ter encontrado o dono. O momento é de crise para todos, tanto pra mim como deve ser para ele e jamais ficaria com o dinheiro, mesmo encontrando na rodovia”, ressaltou. “Sou de família humilde, mas aprendi que as coisas precisam ser certas. Sabemos que nem todos pensam assim, nem todos devolveriam, mas fiz o certo e durmo de consciência tranquila”, finalizou. 


O dono da carteira relatou aos policiais e a Rômulo, que o valor era o salário do mês. Também registrou que está de aniversário na sexta-feira, dia 04, e a devolução dos R$ 1.450,00, foi um "presente".

03 set 20 | 22h03 Por Cristiano Mortari

Morador de Irani encontra carteira com mais de R$ 1.400,00 em rodovia e devolve ao dono

Ele solicitou ajuda da Polícia Militar Rodoviária para identificar o proprietário. Fato aconteceu na quinta-feira

Morador de Irani encontra carteira com mais de R$ 1.400,00 em rodovia e devolve ao dono

O morador de Irani, Rômulo Willian da Rosa, deu exemplo de honestidade na tarde de quinta-feira, dia 03. Ele encontrou uma carteira com R$ 1.450,00 em uma rodovia e, com ajuda da Polícia Militar Rodoviária, devolveu ao dono.  O fato aconteceu na SC-155, próximo ao município de Abelardo Luz.


Em entrevista ao Jornalismo da Rádio Aliança, da Rosa contou que retornava do Paraná, onde foi prestar um serviço. Ele transitava pela SC-155 e percebeu que uma carreta passou por cima de uma carteira que estava no asfalto e espalhou o dinheiro na pista. “Parei meu carro e recolhi o dinheiro e os documentos. De imediato acionei a Polícia Militar Rodoviária de Bom Jesus e solicitei que abordassem o caminhão. Acreditei que a carteira tinha caído do veículo”, relatou. “Os policiais abordaram o condutor, mas a carteira não era dele. Então, com os documentos em mãos, a guarnição buscou os dados no sistema e descobriu que a carteira era de um morador de Abelardo Luz. A Polícia conseguiu o contato, ligamos e aguardamos ele no Posto da PRE para fazer a entrega”, explicou Rômulo.


O dono do dinheiro foi ao local, conferiu tudo e agradeceu, confirmando que o valor total que ele havia perdido, estava sendo devolvido. Rômulo destacou que mesmo em momento de crise, não pensou duas vezes. “Fiz para ele o que eu gostaria que fizessem comigo. Meu pensamento foi devolver na hora e fico feliz por ter encontrado o dono. O momento é de crise para todos, tanto pra mim como deve ser para ele e jamais ficaria com o dinheiro, mesmo encontrando na rodovia”, ressaltou. “Sou de família humilde, mas aprendi que as coisas precisam ser certas. Sabemos que nem todos pensam assim, nem todos devolveriam, mas fiz o certo e durmo de consciência tranquila”, finalizou. 


O dono da carteira relatou aos policiais e a Rômulo, que o valor era o salário do mês. Também registrou que está de aniversário na sexta-feira, dia 04, e a devolução dos R$ 1.450,00, foi um "presente".