Região

19 out 20 | 9h10 Por Cristiano Mortari

Homem atingido por disparo de arma de fogo em Seara recebe alta do Hospital

Já a mulher que também foi baleada permanece internada na UTI em Concórdia

Homem atingido por disparo de arma de fogo em Seara recebe alta do Hospital
Imprimir

O homem que foi atingido por disparos de arma de fogo em Seara, na manhã e quinta-feira, dia 15, recebeu alta do Hospital São Francisco de Concórdia. Ele chegou a ser internado na UTI, mas deixou o hospital no sábado. Já a mulher que foi atingida por disparos no mesmo caso, continua internada na UTI em Concórdia.


As informações foram confirmadas ao Jornalismo da Aliança na manhã desta segunda-feira, dia 19. O Hospital não repassa detalhes sobre o quadro clínico da mulher.


O caso:

Os dois foram atingidos por tiros em uma casa Rua José Benetti, por volta das 06h, no bairro Monte Castelo, próximo ao centro de Seara. Bombeiros e o Samu fizeram o primeiro atendimento e encaminharam as vítimas ao Hospital São Roque de Seara. Em seguida elas foram transferidas ao São Francisco de Concórdia.


De acordo com informações da Polícia Militar, o autor dos disparos usou um revólver calibre 38. Ele teria entrado na casa e antes de atirar, brigou com o homem que estava no local. A mulher apresentava perfurações no tórax e na cintura. Já o homem, foi atingido no peito. Os dois estavam conscientes quando as guarnições da PM e dos Bombeiros chegaram no local.


O crime:

Segundo familiares da mulher, quem efetuou os disparos foi Maximino Alves dos Santos, de 52 anos, que era companheiro dela. Eles acreditam que o crime tenha sido motivado por ciúmes. O casal se separou há algum tempo, mas reatou o relacionamento recentemente. Eles não moravam na mesma casa. Depois de atirar, o autor dos disparos tirou a própria vida, no mato, nas proximidades da casa.



19 out 20 | 9h10 Por Cristiano Mortari

Homem atingido por disparo de arma de fogo em Seara recebe alta do Hospital

Já a mulher que também foi baleada permanece internada na UTI em Concórdia

Homem atingido por disparo de arma de fogo em Seara recebe alta do Hospital

O homem que foi atingido por disparos de arma de fogo em Seara, na manhã e quinta-feira, dia 15, recebeu alta do Hospital São Francisco de Concórdia. Ele chegou a ser internado na UTI, mas deixou o hospital no sábado. Já a mulher que foi atingida por disparos no mesmo caso, continua internada na UTI em Concórdia.


As informações foram confirmadas ao Jornalismo da Aliança na manhã desta segunda-feira, dia 19. O Hospital não repassa detalhes sobre o quadro clínico da mulher.


O caso:

Os dois foram atingidos por tiros em uma casa Rua José Benetti, por volta das 06h, no bairro Monte Castelo, próximo ao centro de Seara. Bombeiros e o Samu fizeram o primeiro atendimento e encaminharam as vítimas ao Hospital São Roque de Seara. Em seguida elas foram transferidas ao São Francisco de Concórdia.


De acordo com informações da Polícia Militar, o autor dos disparos usou um revólver calibre 38. Ele teria entrado na casa e antes de atirar, brigou com o homem que estava no local. A mulher apresentava perfurações no tórax e na cintura. Já o homem, foi atingido no peito. Os dois estavam conscientes quando as guarnições da PM e dos Bombeiros chegaram no local.


O crime:

Segundo familiares da mulher, quem efetuou os disparos foi Maximino Alves dos Santos, de 52 anos, que era companheiro dela. Eles acreditam que o crime tenha sido motivado por ciúmes. O casal se separou há algum tempo, mas reatou o relacionamento recentemente. Eles não moravam na mesma casa. Depois de atirar, o autor dos disparos tirou a própria vida, no mato, nas proximidades da casa.