Região

16 jun 22 | 10h18 Por Jocimar Soares

Dive confirma morte de idoso de Seara por complicações da dengue

Informação foi publicada no boletim da Dive, publicado na noite de quarta-feira, dia 15

Dive confirma morte de idoso de Seara por complicações da dengue
Imprimir

A Diretoria de Vigilância Epidemiológica, Dive, confirmou a morte de um idoso de 66 anos, de Seara, como sendo por complicações da dengue. A publicação do órgão foi feita na noite da quarta-feira, dia 15. Conforme o relatório, o paciente faleceu no dia 16 de abril e estava em investigação. Trata-se do primeiro óbito na segunda maior cidade da microrregião.


De acordo com o que já havia sido informado, familiares desse idosos estavam contestando a morte por dengue. O paciente havia ficado internado por causa da doença e falecido aproximadamente 20 dias após receber alta. A família alega que ele sofreu problemas cardíacos.


Conforme a Dive, já são cinco óbitos registrados na região, sendo duas mortes de Concórdia e outras duas de Itá. Mas essa lista poderá subir para seis já no próximo boletim, já que autoridades confirmaram a e Rádio Aliança publicou como sendo por dengue a morte de um homem de 40 anos, que faleceu no dia 24, em Irani. Esse falecimento consta ainda como em investigação no boletim de ontem. A informação dessa morte foi feita no começo da tarde de quarta-feira, dia 15.


Outras duas mortes, de Arabutã e de Concórdia estão sendo investigadas.

16 jun 22 | 10h18 Por Jocimar Soares

Dive confirma morte de idoso de Seara por complicações da dengue

Informação foi publicada no boletim da Dive, publicado na noite de quarta-feira, dia 15

Dive confirma morte de idoso de Seara por complicações da dengue

A Diretoria de Vigilância Epidemiológica, Dive, confirmou a morte de um idoso de 66 anos, de Seara, como sendo por complicações da dengue. A publicação do órgão foi feita na noite da quarta-feira, dia 15. Conforme o relatório, o paciente faleceu no dia 16 de abril e estava em investigação. Trata-se do primeiro óbito na segunda maior cidade da microrregião.


De acordo com o que já havia sido informado, familiares desse idosos estavam contestando a morte por dengue. O paciente havia ficado internado por causa da doença e falecido aproximadamente 20 dias após receber alta. A família alega que ele sofreu problemas cardíacos.


Conforme a Dive, já são cinco óbitos registrados na região, sendo duas mortes de Concórdia e outras duas de Itá. Mas essa lista poderá subir para seis já no próximo boletim, já que autoridades confirmaram a e Rádio Aliança publicou como sendo por dengue a morte de um homem de 40 anos, que faleceu no dia 24, em Irani. Esse falecimento consta ainda como em investigação no boletim de ontem. A informação dessa morte foi feita no começo da tarde de quarta-feira, dia 15.


Outras duas mortes, de Arabutã e de Concórdia estão sendo investigadas.