Região

27 jul 20 | 9h30 Por Cristiano Mortari

Comerciantes de Piratuba vão realizar carreata solicitando a reabertura do Parque Termal

A CDL está mobilizando associados e demais empresários do município. Mobilização acontece nesta segunda-feira

Comerciantes de Piratuba vão realizar carreata solicitando a reabertura do Parque Termal
Imprimir

Uma carreata será realizada em Piratuba na tarde desta segunda-feira, dia 27. Comerciantes querem chamar a atenção e sensibilizar autoridades, tentando mostrar que o Parque Termal do município não é um local de transmissão da Covid-19. O objetivo é mostrar também, que o turismo é uma atividade essencial para muitas famílias de Piratuba e de Ipira também, já que muitas pessoas da cidade vizinha trabalham em hotéis e no comércio piratubense.

 

O presidente da CDL de Piratuba, Juliano de Oliveira, relata que o comércio, principalmente o que depende do turismo, está agonizando. “Com o Parque Termal fechado, o turista não vem. A cidade está aberta, o comércio está aberto, mas com o Balneário fechado não há movimentação de turistas. Várias lojas da região do Balneário já fecharam e outras vão fechar”, lamenta.


O Parque Termal ficou fechado por quase quatro meses, em função de decretos de prevenção ao coronavírus. No dia 11 de julho ele foi reaberto e chegou a funcionar por 13 dias, mas foi fechado novamente no último fim de semana, depois que o Ministério Público conseguiu uma liminar. “Nas quase duas semanas de funcionamento do Parque Termal, o comércio deu uma reagida, de forma lenta, mas sentimos um aumento nas vendas. Agora, com o complexo fechado, não sabemos como vai ser. Muitos vão fechar as portas e muitas pessoas perderão os empregos”, registra o presidente da CDL.


Sobre a carreata, Juliano diz que os organizadores querem mostrar aos governantes que a população local, principalmente a que trabalha com turismo, depende do Parque Termal funcionando. “Queremos que os governantes olhem para o turismo. Nós temos 50% dos empregos em Piratuba neste setor. Também temos famílias de Ipira que atuam aqui. Precisamos mostrar que não temos casos de Covid-19 relacionados ao turismo. Os casos positivados em Piratuba, são na maioria, de pessoas que trabalham em empresas de outros municípios, não há nenhum caso que tenha relação com o turismo”, enfatiza. “Nosso Parque Termal está fechado, mas o Beto Carrero, por exemplo, está funcionando. Somos uma opção de entretenimento, assim como eles”, compara. “Está provado que a transmissão não se dá na água, então queremos entender, quais os motivos que impedem que nosso Parque funcione”, reforça Oliveira.


A carreata sairá da Praça do Ferroviário às 17h. Os veículos devem percorrer a Avenida 18 de Fevereiro. O uso de máscara é obrigatório durante todo o trajeto. Os organizadores solicitam que os participantes não saiam de seus carros, já que a aglomeração de pessoas está proibida. Pessoas que estão no grupo de risco, com suspeita ou positivadas, não poderão participar.

 

27 jul 20 | 9h30 Por Cristiano Mortari

Comerciantes de Piratuba vão realizar carreata solicitando a reabertura do Parque Termal

A CDL está mobilizando associados e demais empresários do município. Mobilização acontece nesta segunda-feira

Comerciantes de Piratuba vão realizar carreata solicitando a reabertura do Parque Termal

Uma carreata será realizada em Piratuba na tarde desta segunda-feira, dia 27. Comerciantes querem chamar a atenção e sensibilizar autoridades, tentando mostrar que o Parque Termal do município não é um local de transmissão da Covid-19. O objetivo é mostrar também, que o turismo é uma atividade essencial para muitas famílias de Piratuba e de Ipira também, já que muitas pessoas da cidade vizinha trabalham em hotéis e no comércio piratubense.

 

O presidente da CDL de Piratuba, Juliano de Oliveira, relata que o comércio, principalmente o que depende do turismo, está agonizando. “Com o Parque Termal fechado, o turista não vem. A cidade está aberta, o comércio está aberto, mas com o Balneário fechado não há movimentação de turistas. Várias lojas da região do Balneário já fecharam e outras vão fechar”, lamenta.


O Parque Termal ficou fechado por quase quatro meses, em função de decretos de prevenção ao coronavírus. No dia 11 de julho ele foi reaberto e chegou a funcionar por 13 dias, mas foi fechado novamente no último fim de semana, depois que o Ministério Público conseguiu uma liminar. “Nas quase duas semanas de funcionamento do Parque Termal, o comércio deu uma reagida, de forma lenta, mas sentimos um aumento nas vendas. Agora, com o complexo fechado, não sabemos como vai ser. Muitos vão fechar as portas e muitas pessoas perderão os empregos”, registra o presidente da CDL.


Sobre a carreata, Juliano diz que os organizadores querem mostrar aos governantes que a população local, principalmente a que trabalha com turismo, depende do Parque Termal funcionando. “Queremos que os governantes olhem para o turismo. Nós temos 50% dos empregos em Piratuba neste setor. Também temos famílias de Ipira que atuam aqui. Precisamos mostrar que não temos casos de Covid-19 relacionados ao turismo. Os casos positivados em Piratuba, são na maioria, de pessoas que trabalham em empresas de outros municípios, não há nenhum caso que tenha relação com o turismo”, enfatiza. “Nosso Parque Termal está fechado, mas o Beto Carrero, por exemplo, está funcionando. Somos uma opção de entretenimento, assim como eles”, compara. “Está provado que a transmissão não se dá na água, então queremos entender, quais os motivos que impedem que nosso Parque funcione”, reforça Oliveira.


A carreata sairá da Praça do Ferroviário às 17h. Os veículos devem percorrer a Avenida 18 de Fevereiro. O uso de máscara é obrigatório durante todo o trajeto. Os organizadores solicitam que os participantes não saiam de seus carros, já que a aglomeração de pessoas está proibida. Pessoas que estão no grupo de risco, com suspeita ou positivadas, não poderão participar.