Política

22 mai 12 | 9h11 Por Rádio Aliança

Quatro candidaturas se desenhando em Concórdia

Quatro candidaturas se desenhando em Concórdia
Imprimir
Quatro partidos podem disputar as eleições municipais com candidatura própria encabeçando a chapa majoritária. A geografia das urnas está se definindo, conforme as siglas vão se reunindo e oficializando as composições. O PSOL definiu durante o final de semana a candidatura de Paulo Afonso Piovezan e Cleris Konrad, para concorrer com pré-candidatos a prefeito e vice, respectivamente.

Piovesan explica que o PSOL quer dar um novo ritmo de trabalho na Administração Municipal. Ele reitera que a intenção é concorrer com chapa pura, porém com apoio na proporcional do PHS. Piovesan foi candidato ao Senador pelo PSOL na última eleição estadual e tentará buscar a eleição em Concórdia.

O Partido Verde também deve anunciar nas próximas semanas o nome de Argeu Albiero como pré-candidato a prefeito. O partido tem tradicional em lançar candidaturas na majoritária em Concórdia. Ele garante que o PV está trabalhando no sentido de viabilizar novas alternativas aos eleitores do município.

O PV esteve reunido com o PT para compor, porém Albiero explica que foram três encontros sem consenso. O Partido Verde deverá oficializar a candidatura somente na convenção da sigla. O nome do possível candidato a vice-prefeito ainda não foi cogitado.

Candidaturas

Por enquanto, a candidatura do atual prefeito João Girardi (PT) é a mais certa em Concórdia. O PSD tem na linha de frente o radialista Cézar Luiz Pichetti que aguarda ainda um posicionamento do PMDB. Os peemedebistas anunciaram o nome do ex-secretário Idair Piccinin para concorrer na majoritária com o PSD. PMDB e PSD devem compor, mas ainda é indefinido quem será o candidato que irá encabeçar a chapa majoritária.
22 mai 12 | 9h11 Por Rádio Aliança

Quatro candidaturas se desenhando em Concórdia

Quatro candidaturas se desenhando em Concórdia
Quatro partidos podem disputar as eleições municipais com candidatura própria encabeçando a chapa majoritária. A geografia das urnas está se definindo, conforme as siglas vão se reunindo e oficializando as composições. O PSOL definiu durante o final de semana a candidatura de Paulo Afonso Piovezan e Cleris Konrad, para concorrer com pré-candidatos a prefeito e vice, respectivamente.

Piovesan explica que o PSOL quer dar um novo ritmo de trabalho na Administração Municipal. Ele reitera que a intenção é concorrer com chapa pura, porém com apoio na proporcional do PHS. Piovesan foi candidato ao Senador pelo PSOL na última eleição estadual e tentará buscar a eleição em Concórdia.

O Partido Verde também deve anunciar nas próximas semanas o nome de Argeu Albiero como pré-candidato a prefeito. O partido tem tradicional em lançar candidaturas na majoritária em Concórdia. Ele garante que o PV está trabalhando no sentido de viabilizar novas alternativas aos eleitores do município.

O PV esteve reunido com o PT para compor, porém Albiero explica que foram três encontros sem consenso. O Partido Verde deverá oficializar a candidatura somente na convenção da sigla. O nome do possível candidato a vice-prefeito ainda não foi cogitado.

Candidaturas

Por enquanto, a candidatura do atual prefeito João Girardi (PT) é a mais certa em Concórdia. O PSD tem na linha de frente o radialista Cézar Luiz Pichetti que aguarda ainda um posicionamento do PMDB. Os peemedebistas anunciaram o nome do ex-secretário Idair Piccinin para concorrer na majoritária com o PSD. PMDB e PSD devem compor, mas ainda é indefinido quem será o candidato que irá encabeçar a chapa majoritária.