Política

13 ago 19 | 9h24 Por Analu Slongo

Projeto sobre a apresentação de artistas de rua é aprovado no Legislativo

Ideia principal é garantir a segurança dos artistas e também da população em Concórdia

Projeto sobre a apresentação de artistas de rua é aprovado no Legislativo
Imprimir

De autoria do vereador Anderson Guzzatto (PL), foi aprovado nesta segunda-feira, 12, na Câmara o Projeto que dispõe sobre a apresentação de artistas de rua nos logradouros públicos do município de Concórdia. O documento aponta alguns requisitos, mas não proíbe as apresentações.

A ideia principal é garantir a segurança dos artistas e também da população. Por conta disso, o projeto prevê que não deve ser utilizado palco ou qualquer outra estrutura sem autorização do órgão competente.

Além disso, os artistas devem observar os parâmetros máximos de ruídos estabelecidos por lei e as apresentações deverão ocorrer entre 8h e 22h. Durante a atividade ou evento, fica permitida a comercialização de bens culturais duráveis desde que sejam de autoria do artista ou grupo de artistas de rua.

“Quando o município cresce, algumas coisas vêm junto. Há muito tempo não era comum ver artistas no sinaleiro, a maioria por questões de renda. Temos muitos aqui de Concórdia, que residem aqui, têm família e não existe Projeto de Lei que regulamenta isso”, frisa Guzzatto. “Esse Projeto organiza essa situação, até mesmo para os comércios locais”.

Conforme o documento, que só vigora se for sancionado pelo Executivo, “considera-se artista de rua o profissional que interpreta ou executa obra de caráter pessoal e cultural para efeito de exibição através do teatro, dança, música, capoeira, representação por mímica, estátuas vivas, artes circenses em geral abrangendo a arte dos palhaços, dos mágicos, do malabarismo e dos saltos mortais no chão ou em trapézio, do repentista, da arte performática e da poesia declamada.”


Fonte: Daisy Trombetta

13 ago 19 | 9h24 Por Analu Slongo

Projeto sobre a apresentação de artistas de rua é aprovado no Legislativo

Ideia principal é garantir a segurança dos artistas e também da população em Concórdia

Projeto sobre a apresentação de artistas de rua é aprovado no Legislativo

De autoria do vereador Anderson Guzzatto (PL), foi aprovado nesta segunda-feira, 12, na Câmara o Projeto que dispõe sobre a apresentação de artistas de rua nos logradouros públicos do município de Concórdia. O documento aponta alguns requisitos, mas não proíbe as apresentações.

A ideia principal é garantir a segurança dos artistas e também da população. Por conta disso, o projeto prevê que não deve ser utilizado palco ou qualquer outra estrutura sem autorização do órgão competente.

Além disso, os artistas devem observar os parâmetros máximos de ruídos estabelecidos por lei e as apresentações deverão ocorrer entre 8h e 22h. Durante a atividade ou evento, fica permitida a comercialização de bens culturais duráveis desde que sejam de autoria do artista ou grupo de artistas de rua.

“Quando o município cresce, algumas coisas vêm junto. Há muito tempo não era comum ver artistas no sinaleiro, a maioria por questões de renda. Temos muitos aqui de Concórdia, que residem aqui, têm família e não existe Projeto de Lei que regulamenta isso”, frisa Guzzatto. “Esse Projeto organiza essa situação, até mesmo para os comércios locais”.

Conforme o documento, que só vigora se for sancionado pelo Executivo, “considera-se artista de rua o profissional que interpreta ou executa obra de caráter pessoal e cultural para efeito de exibição através do teatro, dança, música, capoeira, representação por mímica, estátuas vivas, artes circenses em geral abrangendo a arte dos palhaços, dos mágicos, do malabarismo e dos saltos mortais no chão ou em trapézio, do repentista, da arte performática e da poesia declamada.”


Fonte: Daisy Trombetta