Política

24 jun 19 | 16h41 Por Analu Slongo

“A Secretaria de Transportes está doente”, diz presidente do Legislativo, Mauro Fretta

Vereador sugere que essa pasta seja tratada com mais cuidado pelo governo municipal de Concórdia

“A Secretaria de Transportes está doente”, diz presidente do Legislativo, Mauro Fretta
Escute
Imprimir

“A Secretaria Municipal de Transportes está doente”. A frase foi dita pelo presidente do Legislativo, Mauro Fretta (PSB), na sessão desta segunda-feira 24 de junho. Ele cita os problemas que ocorreram com o governo anterior e as denúncias de supostas irregularidades com os serviços de horas-máquina que estão sendo feitos agora. “Teve problema na antiga administração e neste ano foram três processos em que os contratos foram suspensos. A administração, secretários, auditoria, prefeito e vice têm que ter um cuidado muito grande com a Secretaria Municipal de Transportes”, pontua.


Segundo Fretta, não há relatos de problemas em outras pastas. O presidente da Câmara sugere que a administração municipal trate deste setor com mais cuidado. “Quando veio a nota da prefeitura que três contratos já foram cancelados é porque há algum problema. Ou está no modo como é feita a contratação ou nos empresários que estão prestando o serviço”, pontua.


O vereador Closmar Zagonel (MDB) sugere mudança na sistemática de prestação dos serviços de horas-máquina. “As horas terceirizadas deveriam ser usadas apenas dentro das propriedades. Aquelas horas que o agricultor tem de graça”, pontua. Para as estradas gerais, Zagonel recomenda que sejam mantidas com a frota de máquinas da prefeitura ou se façam contratos com o pagamento por quilômetro de serviço executado.


Valcir Zanella (PSDB) diz que a Prefeitura de Concórdia está adquirindo novas máquinas para reduzir os contratos com horas de serviços com terceiros. “No momento que tivermos nossa frota completa não vamos mais depender de empresas terceirizadas”, ressalta.


24 jun 19 | 16h41 Por Analu Slongo

“A Secretaria de Transportes está doente”, diz presidente do Legislativo, Mauro Fretta

Vereador sugere que essa pasta seja tratada com mais cuidado pelo governo municipal de Concórdia

“A Secretaria de Transportes está doente”, diz presidente do Legislativo, Mauro Fretta

“A Secretaria Municipal de Transportes está doente”. A frase foi dita pelo presidente do Legislativo, Mauro Fretta (PSB), na sessão desta segunda-feira 24 de junho. Ele cita os problemas que ocorreram com o governo anterior e as denúncias de supostas irregularidades com os serviços de horas-máquina que estão sendo feitos agora. “Teve problema na antiga administração e neste ano foram três processos em que os contratos foram suspensos. A administração, secretários, auditoria, prefeito e vice têm que ter um cuidado muito grande com a Secretaria Municipal de Transportes”, pontua.


Segundo Fretta, não há relatos de problemas em outras pastas. O presidente da Câmara sugere que a administração municipal trate deste setor com mais cuidado. “Quando veio a nota da prefeitura que três contratos já foram cancelados é porque há algum problema. Ou está no modo como é feita a contratação ou nos empresários que estão prestando o serviço”, pontua.


O vereador Closmar Zagonel (MDB) sugere mudança na sistemática de prestação dos serviços de horas-máquina. “As horas terceirizadas deveriam ser usadas apenas dentro das propriedades. Aquelas horas que o agricultor tem de graça”, pontua. Para as estradas gerais, Zagonel recomenda que sejam mantidas com a frota de máquinas da prefeitura ou se façam contratos com o pagamento por quilômetro de serviço executado.


Valcir Zanella (PSDB) diz que a Prefeitura de Concórdia está adquirindo novas máquinas para reduzir os contratos com horas de serviços com terceiros. “No momento que tivermos nossa frota completa não vamos mais depender de empresas terceirizadas”, ressalta.