Polícia

23 out 19 | 11h36 Por André Krüger

Projeto que trata sobre cultura da segurança é desenvolvido pela Polícia Civil nas escolas

Primeiro encontro aconteceu nesta semana, no Senai. Objetivo é levar o assunto para outros educandários.

Projeto que trata sobre cultura da segurança é desenvolvido pela Polícia Civil nas escolas
Imprimir

Está em andamento em Concórdia o Projeto Segurança: Como Mitigar Riscos, desenvolvido através da Polícia Civil nas escolas e educandários situados no município. A inciativa, que consiste em palestras que tratam sobre a cultura da segurança, está em aberto para acontecer nas escolas e iniciou no último dia 21, no Colégio Senai, para os alunos do ensino médio.


Na ocasião, trezentos alunos, na faixa dos 15 e 18 anos, participaram do encontro, cujo objetivo foi repassar experiências, informações e orientações sobre como evitar ou reduzir riscos sobre determinados crimes, com ênfase para internet.


O assunto foi tratado pelo Delegado Regional de Polícia Civil, Marcelo Nogueira e pelo Agente de Polícia, Ricardo Senhorinho.


O projeto permanece aberto para ser levado para outras escolas, mediante procura ou oferta por parte dos agentes.

23 out 19 | 11h36 Por André Krüger

Projeto que trata sobre cultura da segurança é desenvolvido pela Polícia Civil nas escolas

Primeiro encontro aconteceu nesta semana, no Senai. Objetivo é levar o assunto para outros educandários.

Projeto que trata sobre cultura da segurança é desenvolvido pela Polícia Civil nas escolas

Está em andamento em Concórdia o Projeto Segurança: Como Mitigar Riscos, desenvolvido através da Polícia Civil nas escolas e educandários situados no município. A inciativa, que consiste em palestras que tratam sobre a cultura da segurança, está em aberto para acontecer nas escolas e iniciou no último dia 21, no Colégio Senai, para os alunos do ensino médio.


Na ocasião, trezentos alunos, na faixa dos 15 e 18 anos, participaram do encontro, cujo objetivo foi repassar experiências, informações e orientações sobre como evitar ou reduzir riscos sobre determinados crimes, com ênfase para internet.


O assunto foi tratado pelo Delegado Regional de Polícia Civil, Marcelo Nogueira e pelo Agente de Polícia, Ricardo Senhorinho.


O projeto permanece aberto para ser levado para outras escolas, mediante procura ou oferta por parte dos agentes.