Polícia

17 out 19 | 14h03 Por André Krüger

Operação realizada em Concórdia prende três pessoas

Uma por tráfico e duas por mandados judiciais

Operação realizada em Concórdia prende três pessoas
Imprimir

Na manhã desta quinta-feira, dia 17, após investigações realizadas pela equipe de investigação da DIC/Fron de Concórdia, a Polícia Civil realizou a “Operação Minotauro”, visando desmantelar organização criminosa que estava controlando a venda de drogas no Bairro Vila União, sendo que, para tanto, os criminosos se utilizavam, na maioria das vezes, de adolescentes.


Durante a diligência, foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão no Bairro Vila União, dois mandados de busca e apreensão no Bairro Santa Rita, um mandado de busca e apreensão e um mandado de prisão temporária no Bairro Bom Pastor, estes últimos diretamente ligados a atuação de traficantes do Bairro Vila União, envolvendo o crime de homicídio na forma tentada ocorrido durante o mês de setembro/2019 naquele Bairro, praticado em face de um dependente químico.


A operação resultou na prisão de três investigados, dois por mandados judiciais e um em flagrante por tráfico de drogas. 


Os policiais fizeram a apreensão de certa quantidade de maconha, um revólver, calibre .32, e 15 munições do mesmo calibre, além de elementos de investigação visando reforçar a prova dos crimes sob apuração.


A Polícia Civil de Concórdia, através da DIC, DPCAMI e SIC, trabalhou na operação com auxílio de policiais civis das demais Unidades Policiais integrantes da 14 DRP/Fron, além de agentes de Polícia Civil da DIC/Fron de Xanxerê, canil da DRP/Fron de São Lourenço do Oeste e canil da DRP de Campos Novos, realizou a operação “minotauro”.


O nome da referida operação é alusivo ao mito minotauro, da mitologia grega, uma vez que o tráfico de drogas (minotauro) é o flagelo da população do Bairro Vila União (Creta), cuja atuação dos criminosos é favorecida especialmente pela sua geografia peculiar (escadarias e passarelas), similar a um labirinto, sendo que a ganância dia traficantes de drogas busca cada vez mais explorar os usuários de drogas e também angariar novos usuários.


As atividades realizadas fazem parte da atuação da Polícia Civil (Diretoria de Fronteira - DIFRON) no âmbito da operação Ágata, que é realizada pelo Exército Brasileiro na região de fronteira.

17 out 19 | 14h03 Por André Krüger

Operação realizada em Concórdia prende três pessoas

Uma por tráfico e duas por mandados judiciais

Operação realizada em Concórdia prende três pessoas

Na manhã desta quinta-feira, dia 17, após investigações realizadas pela equipe de investigação da DIC/Fron de Concórdia, a Polícia Civil realizou a “Operação Minotauro”, visando desmantelar organização criminosa que estava controlando a venda de drogas no Bairro Vila União, sendo que, para tanto, os criminosos se utilizavam, na maioria das vezes, de adolescentes.


Durante a diligência, foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão no Bairro Vila União, dois mandados de busca e apreensão no Bairro Santa Rita, um mandado de busca e apreensão e um mandado de prisão temporária no Bairro Bom Pastor, estes últimos diretamente ligados a atuação de traficantes do Bairro Vila União, envolvendo o crime de homicídio na forma tentada ocorrido durante o mês de setembro/2019 naquele Bairro, praticado em face de um dependente químico.


A operação resultou na prisão de três investigados, dois por mandados judiciais e um em flagrante por tráfico de drogas. 


Os policiais fizeram a apreensão de certa quantidade de maconha, um revólver, calibre .32, e 15 munições do mesmo calibre, além de elementos de investigação visando reforçar a prova dos crimes sob apuração.


A Polícia Civil de Concórdia, através da DIC, DPCAMI e SIC, trabalhou na operação com auxílio de policiais civis das demais Unidades Policiais integrantes da 14 DRP/Fron, além de agentes de Polícia Civil da DIC/Fron de Xanxerê, canil da DRP/Fron de São Lourenço do Oeste e canil da DRP de Campos Novos, realizou a operação “minotauro”.


O nome da referida operação é alusivo ao mito minotauro, da mitologia grega, uma vez que o tráfico de drogas (minotauro) é o flagelo da população do Bairro Vila União (Creta), cuja atuação dos criminosos é favorecida especialmente pela sua geografia peculiar (escadarias e passarelas), similar a um labirinto, sendo que a ganância dia traficantes de drogas busca cada vez mais explorar os usuários de drogas e também angariar novos usuários.


As atividades realizadas fazem parte da atuação da Polícia Civil (Diretoria de Fronteira - DIFRON) no âmbito da operação Ágata, que é realizada pelo Exército Brasileiro na região de fronteira.