Polícia

22 mai 20 | 8h21 Por André Krüger

Ladrão quebra vidro de joalheria e furta cerca de R$ 20 mil em relógios no centro de Capinzal

Fato registrado na madrugada desta sexta-feira, dia 22

Ladrão quebra vidro de joalheria e furta cerca de R$ 20 mil em relógios no centro de Capinzal
Imprimir

Revolta, esse é o sentimento do empresário Rodrigo Parizoto que teve a sua joalheria arrombada na madrugada desta sexta-feira (22) no centro de Capinzal. O fato ocorreu na Rua Presidente Nereu Ramos.


Rodrigo relatou a reportagem da Rádio Capinzal que por volta das 2h14min foi acionado pela empresa que faz o monitoramento informando que a All Joias havia sido arrombada. O empresário acredita que o crime foi premeditado.


Pelas imagens das câmeras de videomonitoramento é possível observar que o autor ficou cerca de um minuto olhando a vitrine, teria tentado entrar pela porta, mas devido os cadeados, optou por quebrar o vidro com uma marreta. Mesmo sendo blindado, acabou danificando a ponto de conseguir entrar na loja.


O elemento estava usando touca balaclava, boné branco e luva. A ação durou menos de um minuto, sendo que nesse tempo o autor furtou cerca de 20 relógios, os mais caros, e algumas joias. O prejuízo estimado de aproximadamente R$ 20 mil.


A Polícia Militar registrou o boletim de ocorrência e repassou o caso para a Polícia Civil.


Fonte: Rádio Capinzal

22 mai 20 | 8h21 Por André Krüger

Ladrão quebra vidro de joalheria e furta cerca de R$ 20 mil em relógios no centro de Capinzal

Fato registrado na madrugada desta sexta-feira, dia 22

Ladrão quebra vidro de joalheria e furta cerca de R$ 20 mil em relógios no centro de Capinzal

Revolta, esse é o sentimento do empresário Rodrigo Parizoto que teve a sua joalheria arrombada na madrugada desta sexta-feira (22) no centro de Capinzal. O fato ocorreu na Rua Presidente Nereu Ramos.


Rodrigo relatou a reportagem da Rádio Capinzal que por volta das 2h14min foi acionado pela empresa que faz o monitoramento informando que a All Joias havia sido arrombada. O empresário acredita que o crime foi premeditado.


Pelas imagens das câmeras de videomonitoramento é possível observar que o autor ficou cerca de um minuto olhando a vitrine, teria tentado entrar pela porta, mas devido os cadeados, optou por quebrar o vidro com uma marreta. Mesmo sendo blindado, acabou danificando a ponto de conseguir entrar na loja.


O elemento estava usando touca balaclava, boné branco e luva. A ação durou menos de um minuto, sendo que nesse tempo o autor furtou cerca de 20 relógios, os mais caros, e algumas joias. O prejuízo estimado de aproximadamente R$ 20 mil.


A Polícia Militar registrou o boletim de ocorrência e repassou o caso para a Polícia Civil.


Fonte: Rádio Capinzal