Polícia

11 jul 19 | 11h19 Por Jocimar Soares

Familiares buscam por informações sobre paradeiro de idoso em Concórdia

Homem de 65 anos teria saído de casa em horário incerto, na quarta-feira, dia 10. Até agora, sem notícias!

Familiares buscam por informações sobre paradeiro de idoso em Concórdia
Escute
Imprimir

Um idoso de 65 anos, morador de Linha Vitória, interior de Concórdia está desaparecido desde a quarta-feira, dia 10. Familiares registraram o Boletim de Ocorrência na Central de Polícia Civil nas últimas horas.


Conforme informações, trata-se de Lauri Antônio Rodrigues Fernandes. Em entrevista a Rádio Aliança, a companheira dele, Amasília Terezinha dos Santos informou que ninguém sabe que horas ele saiu de casa e, tampouco, o paradeiro. Os parantes também não souberam informar a vestimenta, que ele usava no momento em que saiu da residência. Também relataram que o idoso nunca havia saído de casa e ficado tanto tempo sem dar notícias.


De acordo com Amasília, seu Lauri estava em casa desde a última semana, quando recebeu alta hospitalar. Ele se recuperava de agressão por arma branca, sofrida nos últimos dias.

11 jul 19 | 11h19 Por Jocimar Soares

Familiares buscam por informações sobre paradeiro de idoso em Concórdia

Homem de 65 anos teria saído de casa em horário incerto, na quarta-feira, dia 10. Até agora, sem notícias!

Familiares buscam por informações sobre paradeiro de idoso em Concórdia

Um idoso de 65 anos, morador de Linha Vitória, interior de Concórdia está desaparecido desde a quarta-feira, dia 10. Familiares registraram o Boletim de Ocorrência na Central de Polícia Civil nas últimas horas.


Conforme informações, trata-se de Lauri Antônio Rodrigues Fernandes. Em entrevista a Rádio Aliança, a companheira dele, Amasília Terezinha dos Santos informou que ninguém sabe que horas ele saiu de casa e, tampouco, o paradeiro. Os parantes também não souberam informar a vestimenta, que ele usava no momento em que saiu da residência. Também relataram que o idoso nunca havia saído de casa e ficado tanto tempo sem dar notícias.


De acordo com Amasília, seu Lauri estava em casa desde a última semana, quando recebeu alta hospitalar. Ele se recuperava de agressão por arma branca, sofrida nos últimos dias.