Plantão

23 out 19 | 9h24 Por André Krüger / Jocimar Soares

Dois casos de engasgamento de crianças foram registrados pelos bombeiros

Em um dos casos, foi necessária a intervenção do atendente através do telefone.

Dois casos de engasgamento de crianças foram registrados pelos bombeiros
Imprimir

O Corpo de Bombeiros Voluntários de Concórdia atendeu a dois casos de engasgamento de crianças nas últimas horas. Nos dois casos, houve reversão do quadro pelos familiares e as guarnições só fizeram o acompanhamento até o Hospital São Francisco. Nos dois casos, as crianças tiveram as vias aéreas obstruídas durante a amamentação.


O primeiro fato atendido foi por volta 4h, quando um pai chegou com a criança com dez dias na corporação. Os socorristas verificaram o estado da criança, perceberam que ela já não estava mais engasgada, mas mesmo assim fizeram a condução da mesma para o Hospital São Francisco. O segundo atendimento ocorreu na própria residência, por volta das 7h45. Enquanto uma ambulância ia até o local, um atendente repassava informações sobre os procedimentos para o pai, através do telefone. Nesse caso, a criança de dos meses também teve a respiração restabelecida e foi conduzida para o HSF para avaliação médica.

23 out 19 | 9h24 Por André Krüger / Jocimar Soares

Dois casos de engasgamento de crianças foram registrados pelos bombeiros

Em um dos casos, foi necessária a intervenção do atendente através do telefone.

Dois casos de engasgamento de crianças foram registrados pelos bombeiros

O Corpo de Bombeiros Voluntários de Concórdia atendeu a dois casos de engasgamento de crianças nas últimas horas. Nos dois casos, houve reversão do quadro pelos familiares e as guarnições só fizeram o acompanhamento até o Hospital São Francisco. Nos dois casos, as crianças tiveram as vias aéreas obstruídas durante a amamentação.


O primeiro fato atendido foi por volta 4h, quando um pai chegou com a criança com dez dias na corporação. Os socorristas verificaram o estado da criança, perceberam que ela já não estava mais engasgada, mas mesmo assim fizeram a condução da mesma para o Hospital São Francisco. O segundo atendimento ocorreu na própria residência, por volta das 7h45. Enquanto uma ambulância ia até o local, um atendente repassava informações sobre os procedimentos para o pai, através do telefone. Nesse caso, a criança de dos meses também teve a respiração restabelecida e foi conduzida para o HSF para avaliação médica.