Momento Agro

19 nov 19 | 16h45 Por Jocimar Soares

Semana marcada por novos reajustes no valor do quilo vivo do suíno ao integrado

Depois da Aurora e Pamplona, JBS e BRF também reajustaram o valor do quilo vivo do suíno.

Semana marcada por novos reajustes no valor do quilo vivo do suíno ao integrado
Imprimir

Depois da Coopercentral Aurora e do Frigorífico Pamplona, a BRF e a JBS também reajustaram o valor do quilo vivo do suíno terminado pago ao produtor integrado, nesta semana. 


Conforme o site da Associação Catarinense de Criadores de Suínos, ACCS, a JBS Foods reajustou mais R$ 0,10 o valor do quilo vivo, passando de R$ 3,90 para R$ 4,00. Por outro lado, a BRF apresentou a maior alta, de R$ 0,20, passando de R$ 3,90 para R$ 4,10. 


No início desta semana, conforme já informado pela Rádio Aliança, a Aurora e a Pamplona também haviam reajustado o valor do quilo vivo do suíno, passando de R$ 4,00 para R$ 4,10.

19 nov 19 | 16h45 Por Jocimar Soares

Semana marcada por novos reajustes no valor do quilo vivo do suíno ao integrado

Depois da Aurora e Pamplona, JBS e BRF também reajustaram o valor do quilo vivo do suíno.

Semana marcada por novos reajustes no valor do quilo vivo do suíno ao integrado

Depois da Coopercentral Aurora e do Frigorífico Pamplona, a BRF e a JBS também reajustaram o valor do quilo vivo do suíno terminado pago ao produtor integrado, nesta semana. 


Conforme o site da Associação Catarinense de Criadores de Suínos, ACCS, a JBS Foods reajustou mais R$ 0,10 o valor do quilo vivo, passando de R$ 3,90 para R$ 4,00. Por outro lado, a BRF apresentou a maior alta, de R$ 0,20, passando de R$ 3,90 para R$ 4,10. 


No início desta semana, conforme já informado pela Rádio Aliança, a Aurora e a Pamplona também haviam reajustado o valor do quilo vivo do suíno, passando de R$ 4,00 para R$ 4,10.