Agronegócio

20 nov 14 | 10h42 Por Rádio Aliança

Governador deve ficar hospitalizado até sexta-feira no hospital Sírio-Libanês

Raimundo Colombo passou por uma angioplastia para implante de três stents em artérias do coração

Governador deve ficar hospitalizado até sexta-feira no hospital Sírio-Libanês
Imprimir

Raimundo Colombo deve ficar até sexta-feira, em São Paulo, onde está internado no hospital Sírio-Libanês e passa bem. O governador de Santa Catarina, passou por uma angioplastia para implante de três stents em artérias do coração, no fim da tarde de terça-feira. 

O Vice-governador, Eduardo Pinho Moreira, que acompanhou todo o procedimento já está em Florianópolis, para compromissos na agenda.

Segundo Moreira, Colombo está hospitalizado desde a última quinta feira, quando foi fazer exames de rotina. Aos 59 anos, com problemas de pressão, foi detectado por meio de uma angiotomografia (estudo realizado que permite a visualização tridimensional do coração, estruturas e das artérias coronárias de forma não invasiva), algumas alterações. 

Foi realizado então um cateterismo e no exame, comprovado a presença de uma lesão crítica em uma artéria coronária importante.

—Esta lesão ficava em um ponto que a artéria se dividia em três e poderia ocasionar um infarto. Houve uma reunião médica para discutir qual seria o melhor método: colocar uma ponte de safena ou fazer uma angioplastia, que é menos invasivo— explicou o vice-governador que também é médico cardiologista.

Moreira garante que Colombo está bem e na manhã desta quarta, já estava lendo os jornais. O Vice-governador explicou ainda que a escolha pelo hospital Sírio-libanês, em São Paulo, ao invés de uma unidade em Santa Catarina, foi por uma orientação do médico infectologista, David Everson Uip. Ele queria certificar-se que a Herpes-Zóster - uma infecção que atingiu o olho esquerdo do governador em agosto, estava totalmente curada.

—O problema no coração foi um achado casual. Ele estava em um dos melhores hospitais do país, não tinha sentido ele sair de lá—observa.

 

Fonte: Diário Catarinense

20 nov 14 | 10h42 Por Rádio Aliança

Governador deve ficar hospitalizado até sexta-feira no hospital Sírio-Libanês

Raimundo Colombo passou por uma angioplastia para implante de três stents em artérias do coração

Governador deve ficar hospitalizado até sexta-feira no hospital Sírio-Libanês

Raimundo Colombo deve ficar até sexta-feira, em São Paulo, onde está internado no hospital Sírio-Libanês e passa bem. O governador de Santa Catarina, passou por uma angioplastia para implante de três stents em artérias do coração, no fim da tarde de terça-feira. 

O Vice-governador, Eduardo Pinho Moreira, que acompanhou todo o procedimento já está em Florianópolis, para compromissos na agenda.

Segundo Moreira, Colombo está hospitalizado desde a última quinta feira, quando foi fazer exames de rotina. Aos 59 anos, com problemas de pressão, foi detectado por meio de uma angiotomografia (estudo realizado que permite a visualização tridimensional do coração, estruturas e das artérias coronárias de forma não invasiva), algumas alterações. 

Foi realizado então um cateterismo e no exame, comprovado a presença de uma lesão crítica em uma artéria coronária importante.

—Esta lesão ficava em um ponto que a artéria se dividia em três e poderia ocasionar um infarto. Houve uma reunião médica para discutir qual seria o melhor método: colocar uma ponte de safena ou fazer uma angioplastia, que é menos invasivo— explicou o vice-governador que também é médico cardiologista.

Moreira garante que Colombo está bem e na manhã desta quarta, já estava lendo os jornais. O Vice-governador explicou ainda que a escolha pelo hospital Sírio-libanês, em São Paulo, ao invés de uma unidade em Santa Catarina, foi por uma orientação do médico infectologista, David Everson Uip. Ele queria certificar-se que a Herpes-Zóster - uma infecção que atingiu o olho esquerdo do governador em agosto, estava totalmente curada.

—O problema no coração foi um achado casual. Ele estava em um dos melhores hospitais do país, não tinha sentido ele sair de lá—observa.

 

Fonte: Diário Catarinense