Geral

14 jun 24 | 8h30 Por Luan De Bortoli

SC participa de campanha nacional de arrecadação de material escolar para estudantes gaúchos

Entre os materiais sugeridos para doação estão cadernos, conjuntos de lápis, apontadores, giz de cera, canetas e outros.

SC participa de campanha nacional de arrecadação de material escolar para estudantes gaúchos
Imprimir

O Governo de Santa Catarina, por meio da Secretaria de Estado da Educação, aderiu à nova fase da campanha Educação com o Rio Grande do Sul, do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed). Lançada nesta quarta-feira, 12, a nova etapa visa a arrecadação de materiais escolares para apoiar crianças e jovens afetados pela crise climática e ambiental no estado gaúcho.

SIGA A ALIANÇA FM NAS REDES SOCIAIS:

“Nós sabemos da necessidade que têm aquelas crianças e jovens de retomarem os seus estudos. Por isso, precisamos ser solidários e ajudá-los a recuperar aquilo que é um direito seu. Então, convoco a todos aqueles que são solidários e que quiserem nos ajudar a mandar esses donativos para as atividades escolares, sejam cadernos ou outros materiais, tudo aquilo que os estudantes possam utilizar para seus estudos”, disse o secretário de Estado da Educação, Aristides Cimadon.

Entre os materiais sugeridos para doação estão cadernos, conjuntos de lápis, apontadores, giz de cera, canetas, lapiseiras, estojos, calculadoras e réguas. Também são aceitos livros de literatura infanto-juvenil. Em Santa Catarina, os pontos de coleta estão localizados nas escolas estaduais e nas Coordenadorias Regionais de Educação.

Educação com o Rio Grande do Sul

A iniciativa, que já vinha mobilizando esforços para arrecadação de donativos, agora expande seu alcance para incluir a doação de livros e materiais essenciais para o retorno às aulas. Em articulação com todas as redes estaduais de ensino, o objetivo é arrecadar itens que possam compor mais de 100 mil kits completos e em boas condições para os alunos da rede gaúcha retornarem às aulas.

A estimativa da educação do RS é que será preciso recompor o acervo mínimo em 138 bibliotecas escolares destruídas pelas enchentes. Para isso, são necessários 48.662 títulos de literatura brasileira, com a intenção de garantir aproximadamente cinco exemplares por aluno, totalizando 245.090 livros.

Enquanto o Brasil inteiro segue mobilizado, a equipe da Secretaria de Educação do Rio Grande do Sul se prepara para receber as doações. As remessas dos estados serão concentradas na Escola Estadual Maria Thereza da Silveira (R. Furriel Luíz Antônio de Vargas, 135 – Bela Vista). No local, será feita a seleção e a organização dos donativos de acordo com a idade e série escolar, de forma a entregar uma mochila com materiais escolares dentro.

O que doar?

  • Mochilas
  • Cadernos
  • Calculadora
  • Canetas azul/preta e vermelha
  • Caixas de grafite
  • Lapiseiras
  • Réguas
  • Kit de lápis de cor
  • Kit de Caneta hidrocor
  • Lápis preto
  • Apontadores
  • Estojos
  • Squeezes
  • Livros de literatura
14 jun 24 | 8h30 Por Luan De Bortoli

SC participa de campanha nacional de arrecadação de material escolar para estudantes gaúchos

Entre os materiais sugeridos para doação estão cadernos, conjuntos de lápis, apontadores, giz de cera, canetas e outros.

SC participa de campanha nacional de arrecadação de material escolar para estudantes gaúchos

O Governo de Santa Catarina, por meio da Secretaria de Estado da Educação, aderiu à nova fase da campanha Educação com o Rio Grande do Sul, do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed). Lançada nesta quarta-feira, 12, a nova etapa visa a arrecadação de materiais escolares para apoiar crianças e jovens afetados pela crise climática e ambiental no estado gaúcho.

SIGA A ALIANÇA FM NAS REDES SOCIAIS:

“Nós sabemos da necessidade que têm aquelas crianças e jovens de retomarem os seus estudos. Por isso, precisamos ser solidários e ajudá-los a recuperar aquilo que é um direito seu. Então, convoco a todos aqueles que são solidários e que quiserem nos ajudar a mandar esses donativos para as atividades escolares, sejam cadernos ou outros materiais, tudo aquilo que os estudantes possam utilizar para seus estudos”, disse o secretário de Estado da Educação, Aristides Cimadon.

Entre os materiais sugeridos para doação estão cadernos, conjuntos de lápis, apontadores, giz de cera, canetas, lapiseiras, estojos, calculadoras e réguas. Também são aceitos livros de literatura infanto-juvenil. Em Santa Catarina, os pontos de coleta estão localizados nas escolas estaduais e nas Coordenadorias Regionais de Educação.

Educação com o Rio Grande do Sul

A iniciativa, que já vinha mobilizando esforços para arrecadação de donativos, agora expande seu alcance para incluir a doação de livros e materiais essenciais para o retorno às aulas. Em articulação com todas as redes estaduais de ensino, o objetivo é arrecadar itens que possam compor mais de 100 mil kits completos e em boas condições para os alunos da rede gaúcha retornarem às aulas.

A estimativa da educação do RS é que será preciso recompor o acervo mínimo em 138 bibliotecas escolares destruídas pelas enchentes. Para isso, são necessários 48.662 títulos de literatura brasileira, com a intenção de garantir aproximadamente cinco exemplares por aluno, totalizando 245.090 livros.

Enquanto o Brasil inteiro segue mobilizado, a equipe da Secretaria de Educação do Rio Grande do Sul se prepara para receber as doações. As remessas dos estados serão concentradas na Escola Estadual Maria Thereza da Silveira (R. Furriel Luíz Antônio de Vargas, 135 – Bela Vista). No local, será feita a seleção e a organização dos donativos de acordo com a idade e série escolar, de forma a entregar uma mochila com materiais escolares dentro.

O que doar?

  • Mochilas
  • Cadernos
  • Calculadora
  • Canetas azul/preta e vermelha
  • Caixas de grafite
  • Lapiseiras
  • Réguas
  • Kit de lápis de cor
  • Kit de Caneta hidrocor
  • Lápis preto
  • Apontadores
  • Estojos
  • Squeezes
  • Livros de literatura