Geral

26 abr 21 | 15h19 Por Jocimar Soares

Região recebe quase R$ 360 mil dos governos Estadual e Federal para a estiagem

Onze prefeituras da região receberam recursos para mitigar os efeitos da estiagem, relativos ao ano passado

Região recebe quase R$ 360 mil dos governos Estadual e Federal para a estiagem
Imprimir

Dos 14 municípios que decretaram Situação de Emergência no ano passado por conta da estiagem, 11 receberam recursos dos governos Federal e estadual para resposta dos efeitos da seca, em 2020. A informação consta no Relatório Gerencial do Sistema de Informações de Desastres, mantido pelo Ministério do Desenvolvimento Regional, através da Defesa Civil Nacional, publicado na última sexta-feira, dia 23.


Três municípios da região foram contemplados, juntos, com R$ 166.445,56 durante o ano passado com recursos do Governo Federal para resposta aos efeitos da estiagem./ Concórdia recebeu R$ 111.563,56; Ipumirim R$ 24.882 e Seara, com R$ 30 mil.


Por outro lado, oito prefeituras da microrregião receberam um montante de R$ 193.409,38 do Governo Estadual, através da Defesa Civil, para mitigar os efeitos do longo período sem chuvas regulares. O dinheiro é referente à instalação de reservatórios de água com capacidade para cinco, dez e 20 mil litros de água.


Juntos, o recurso é de R$ 359.854,94.


Os valores foram divididos entre:


Arabutã: R$ 18.696

Ipira: R$ 26.984,21

Ipumirim: R$ 18.484,50

Itá: R$ 15.605,38

Lindóia do Sul: R$ 49.835

Presidente Castello Branco: R$ 8.415,15

Seara: R$ 44.773,14

Xavantina: R$ 10.616


26 abr 21 | 15h19 Por Jocimar Soares

Região recebe quase R$ 360 mil dos governos Estadual e Federal para a estiagem

Onze prefeituras da região receberam recursos para mitigar os efeitos da estiagem, relativos ao ano passado

Região recebe quase R$ 360 mil dos governos Estadual e Federal para a estiagem

Dos 14 municípios que decretaram Situação de Emergência no ano passado por conta da estiagem, 11 receberam recursos dos governos Federal e estadual para resposta dos efeitos da seca, em 2020. A informação consta no Relatório Gerencial do Sistema de Informações de Desastres, mantido pelo Ministério do Desenvolvimento Regional, através da Defesa Civil Nacional, publicado na última sexta-feira, dia 23.


Três municípios da região foram contemplados, juntos, com R$ 166.445,56 durante o ano passado com recursos do Governo Federal para resposta aos efeitos da estiagem./ Concórdia recebeu R$ 111.563,56; Ipumirim R$ 24.882 e Seara, com R$ 30 mil.


Por outro lado, oito prefeituras da microrregião receberam um montante de R$ 193.409,38 do Governo Estadual, através da Defesa Civil, para mitigar os efeitos do longo período sem chuvas regulares. O dinheiro é referente à instalação de reservatórios de água com capacidade para cinco, dez e 20 mil litros de água.


Juntos, o recurso é de R$ 359.854,94.


Os valores foram divididos entre:


Arabutã: R$ 18.696

Ipira: R$ 26.984,21

Ipumirim: R$ 18.484,50

Itá: R$ 15.605,38

Lindóia do Sul: R$ 49.835

Presidente Castello Branco: R$ 8.415,15

Seara: R$ 44.773,14

Xavantina: R$ 10.616