Geral

08 jul 20 | 13h47 Por Analu Slongo

Reabertura do INSS é adiada para 3 de agosto - OUÇA

Previsão era que as agências voltassem a funcionar de forma presencial a partir da próxima segunda-feira

Reabertura do INSS é adiada para 3 de agosto - OUÇA
Escute
Imprimir

Quem está com dificuldades para ter acesso aos serviços do INSS terá que esperar um pouco mais. Nesta quarta-feira, 8 de julho, a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia publicou uma portaria adiando a retomada dos trabalhos presenciais para o dia 3 de agosto. A reabertura das agências estava prevista para a próxima segunda-feira.


Com isso, o atendimento continua sendo exclusivo por meio de canais remotos. Em um primeiro momento, o tempo de funcionamento das agências será parcial, com seis horas contínuas, e o atendimento será exclusivo aos segurados e beneficiários com prévio agendamento pelos canais remotos, que são o aplicativo Meu INSS e a Central 135. Também serão retomados os serviços que não possam ser realizados por meio dos canais de atendimento remotos como, por exemplo, realização de perícias médicas, avaliação social e reabilitação profissional.


A reabertura gradual e segura irá considerar as especificidades de cada uma das 1.525 Agências da Previdência Social no país. Cada unidade deverá avaliar o perfil do quadro de servidores e contratados, o volume de atendimentos realizados, a organização do espaço físico, as medidas de limpeza e os equipamentos de proteção individual e coletiva. As unidades que não reunirem as condições necessárias para atender o cidadão de forma segura, continuarão em regime de plantão reduzido.


Fonte: Agência Brasil


08 jul 20 | 13h47 Por Analu Slongo

Reabertura do INSS é adiada para 3 de agosto - OUÇA

Previsão era que as agências voltassem a funcionar de forma presencial a partir da próxima segunda-feira

Reabertura do INSS é adiada para 3 de agosto - OUÇA

Quem está com dificuldades para ter acesso aos serviços do INSS terá que esperar um pouco mais. Nesta quarta-feira, 8 de julho, a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia publicou uma portaria adiando a retomada dos trabalhos presenciais para o dia 3 de agosto. A reabertura das agências estava prevista para a próxima segunda-feira.


Com isso, o atendimento continua sendo exclusivo por meio de canais remotos. Em um primeiro momento, o tempo de funcionamento das agências será parcial, com seis horas contínuas, e o atendimento será exclusivo aos segurados e beneficiários com prévio agendamento pelos canais remotos, que são o aplicativo Meu INSS e a Central 135. Também serão retomados os serviços que não possam ser realizados por meio dos canais de atendimento remotos como, por exemplo, realização de perícias médicas, avaliação social e reabilitação profissional.


A reabertura gradual e segura irá considerar as especificidades de cada uma das 1.525 Agências da Previdência Social no país. Cada unidade deverá avaliar o perfil do quadro de servidores e contratados, o volume de atendimentos realizados, a organização do espaço físico, as medidas de limpeza e os equipamentos de proteção individual e coletiva. As unidades que não reunirem as condições necessárias para atender o cidadão de forma segura, continuarão em regime de plantão reduzido.


Fonte: Agência Brasil