Geral

21 out 21 | 6h15 Por Jocimar Soares

OUÇA: Hang se manifesta sobre pedido de indiciamento na CPI

Ele se referiu com ironia em relação ao senador Renan Calheiros, do MDB do Alagoas, relator da comissão

OUÇA: Hang se manifesta sobre pedido de indiciamento na CPI
Escute
Imprimir

Conforme publicado pela imprensa nacional, Luciano Hang está entre os 68 pedidos de indiciamento no relatório final da CPI da covid. O texto foi registrado na manhã de quarta-feira, dia 20, pelo relator da comissão, senador Renan Calheiros, do MDB de Alagoas. Hang foi indiciado sob acusação de incitação ao crime. Perguntado sobre o assunto, Luciano Hang criticou a CPI.


Antes da entrevista à Aliança FM, o empresário havia se manifestado através de nota. “Estou agradecido e honrado por ter participado da CPI. Tive a oportunidade de explicar aos brasileiros o que eu e a Havan [empresa dele] fizemos durante a pandemia. Sobre o relatório mencionar o meu nome, não esperava nada diferente, pois trata-se de uma comissão política amparada em narrativas e não em fatos. Tenho certeza que a verdade irá prevalecer. Quem não deve, não teme”.


Em entrevista à Aliança FM, Luciano Hang foi irônico com a CPI e especialmente com o relator da comissão, o senador Renan Calheiros, do MDB-AL (OUÇA)

21 out 21 | 6h15 Por Jocimar Soares

OUÇA: Hang se manifesta sobre pedido de indiciamento na CPI

Ele se referiu com ironia em relação ao senador Renan Calheiros, do MDB do Alagoas, relator da comissão

OUÇA: Hang se manifesta sobre pedido de indiciamento na CPI

Conforme publicado pela imprensa nacional, Luciano Hang está entre os 68 pedidos de indiciamento no relatório final da CPI da covid. O texto foi registrado na manhã de quarta-feira, dia 20, pelo relator da comissão, senador Renan Calheiros, do MDB de Alagoas. Hang foi indiciado sob acusação de incitação ao crime. Perguntado sobre o assunto, Luciano Hang criticou a CPI.


Antes da entrevista à Aliança FM, o empresário havia se manifestado através de nota. “Estou agradecido e honrado por ter participado da CPI. Tive a oportunidade de explicar aos brasileiros o que eu e a Havan [empresa dele] fizemos durante a pandemia. Sobre o relatório mencionar o meu nome, não esperava nada diferente, pois trata-se de uma comissão política amparada em narrativas e não em fatos. Tenho certeza que a verdade irá prevalecer. Quem não deve, não teme”.


Em entrevista à Aliança FM, Luciano Hang foi irônico com a CPI e especialmente com o relator da comissão, o senador Renan Calheiros, do MDB-AL (OUÇA)