Geral

18 jan 21 | 15h29 Por Jocimar Soares

Obras da ponte do contorno de Seara estão paralisadas

Empresa terceirizada alega falta de pagamento e trabalhos estão suspensos

Obras da ponte do contorno de Seara estão paralisadas
Imprimir

As obras de construção da ponte do contorno viário de Seara estão paradas. Por falta de pagamento, a empresa Fidelis Construtora recolheu parte dos equipamentos na última semana e suspendeu os trabalhos até que haja a regularização. O empreendimento fica sobre o rio Caçador, na Linha Bernardi, próximo a divisa com Itá. A licitação para os trabalhos foi vencida pela empresa DECC Construtora, que havia terceirizado parte da execução para a Fidelis. Em entrevista, o proprietário da empresa terceirizada, Willian Fidelis, destacou que o pagamento pela realização desse trabalho teria que ser feito pela empresa Decc, que por sua vez não estaria recebendo da Secretaria de Estado da Infraestrutura para fazer o repasse.


Em entrevista, Fidelis destacou os trabalhadores retornaram ao trabalho no último dia 11. Porém, como não houve a perspectiva de pagamento, a parte da execução que cabe à Fidelis foi paralisada na sexta-feira, dia 15. Ele destaca que recebeu apenas R$ 70 mil pelos trabalhos, faltaria ainda R$ 530 mil, mais 20% correspondentes a outros serviços. Ele explica que a obra da ponte do contorno viário de Seara está 65% concluída.


Os trabalhos iniciaram no segundo semestre do ano passado. O valor do empreendimento é de aproximadamente R$ 3 milhões. A ponte terá 60 metros de extensão e 11,6m de largura. Vem a complementar o também recém-construído contorno de Seara, que foi licitado e construído sem essa ponte.


(Com informações da Belos FM)

18 jan 21 | 15h29 Por Jocimar Soares

Obras da ponte do contorno de Seara estão paralisadas

Empresa terceirizada alega falta de pagamento e trabalhos estão suspensos

Obras da ponte do contorno de Seara estão paralisadas

As obras de construção da ponte do contorno viário de Seara estão paradas. Por falta de pagamento, a empresa Fidelis Construtora recolheu parte dos equipamentos na última semana e suspendeu os trabalhos até que haja a regularização. O empreendimento fica sobre o rio Caçador, na Linha Bernardi, próximo a divisa com Itá. A licitação para os trabalhos foi vencida pela empresa DECC Construtora, que havia terceirizado parte da execução para a Fidelis. Em entrevista, o proprietário da empresa terceirizada, Willian Fidelis, destacou que o pagamento pela realização desse trabalho teria que ser feito pela empresa Decc, que por sua vez não estaria recebendo da Secretaria de Estado da Infraestrutura para fazer o repasse.


Em entrevista, Fidelis destacou os trabalhadores retornaram ao trabalho no último dia 11. Porém, como não houve a perspectiva de pagamento, a parte da execução que cabe à Fidelis foi paralisada na sexta-feira, dia 15. Ele destaca que recebeu apenas R$ 70 mil pelos trabalhos, faltaria ainda R$ 530 mil, mais 20% correspondentes a outros serviços. Ele explica que a obra da ponte do contorno viário de Seara está 65% concluída.


Os trabalhos iniciaram no segundo semestre do ano passado. O valor do empreendimento é de aproximadamente R$ 3 milhões. A ponte terá 60 metros de extensão e 11,6m de largura. Vem a complementar o também recém-construído contorno de Seara, que foi licitado e construído sem essa ponte.


(Com informações da Belos FM)