Geral

05 ago 19 | 14h21 Por Analu Slongo

Liberação de R$ 500,00 do FGTS vai iniciar em 13 de setembro

Para quem possui conta poupança na Caixa Econômica Federal o saldo será depositado automaticamente.

Liberação de R$ 500,00 do FGTS vai iniciar em 13 de setembro
Escute
Imprimir

A Caixa Econômica Federal anunciou na manhã desta segunda-feira, 5 de agosto, o calendário para o pagamento de até R$ 500 por conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Os repasses vão iniciar no dia 13 de setembro e serão feitos até 31 de março de 2020, conforme a data de nascimento dos beneficiários.


O valor será depositado automaticamente no dia 13 de setembro, para pessoas nascidas em janeiro, fevereiro, março e abril, que têm conta poupança na Caixa. Aqueles com data de aniversário em maio, junho, julho e agosto recebem a partir do dia 27 de setembro de 2019. Para trabalhadores nascidos em setembro, outubro, novembro e dezembro, o pagamento será feito a partir do dia 9 de outubro de 2019.


O crédito automático só será realizado para quem abriu conta poupança na Caixa Econômica Federal até o dia 24 de julho de 2019, data de publicação da Medida Provisória que autoriza esse repasse. O pagamento aos não correntistas da Caixa, pessoas que possuem contas em outros bancos, seguirá um cronograma diferente.


Calendário para quem não tem conta na Caixa


- Nascidos em janeiro: saques a partir de 18 de outubro;

- Nascidos em fevereiro: saques a partir de 25 de outubro;

- Nascidos em março: saques a partir de 8 de novembro;

- Nascidos em abril: saques a partir de 22 de novembro;

Nascidos em maio: saques a partir de 6 de dezembro.

- Nascidos em junho: saques a partir de 18 de dezembro;

- Nascidos em julho: saques a partir de 10 de janeiro de 2020;

- Nascidos em agosto: saques a partir de 17 de janeiro de 2020;

- Nascidos em setembro: saques a partir 24 de janeiro de 2020;

- Nascidos em outubro: saques a partir de 7 de fevereiro de 2020;

- Nascidos em novembro: saques a partir de 14 de fevereiro de

2020;

- Nascidos em dezembro: saques a partir de 6 de março de 2020.


Como será o pagamento


Segundo a Caixa, cerca de 33 milhões de trabalhadores receberão o crédito automático na conta poupança. Caso o trabalhador não queira retirar o recurso, será necessário informar a decisão em um dos canais divulgados pelo banco até 30 de abril de 2020. Desta forma, os valores não sacados serão devolvidos à conta vinculada ao FGTS.


Como fazer os saques


Quem não tem conta na Caixa deverá seguir o cronograma divulgado pelo banco público (veja acima). Para quem possui Cartão Cidadão, o saque pode ser feito diretamente no caixa automático. Resgates inferiores a R$ 100 poderão ser realizados em casas lotéricas, com exigência de apresentação de carteira de identidade e CPF. Nas contas do governo, a liberação dos recursos deve impulsionar o PIB (Produto Interno Bruto) do país em 0,35 ponto percentual ao longo de 12 meses. Para 2020, o valor esperado para o FGTS é de aproximadamente R$ 12 bilhões.


Fonte: Agência Brasil




05 ago 19 | 14h21 Por Analu Slongo

Liberação de R$ 500,00 do FGTS vai iniciar em 13 de setembro

Para quem possui conta poupança na Caixa Econômica Federal o saldo será depositado automaticamente.

Liberação de R$ 500,00 do FGTS vai iniciar em 13 de setembro

A Caixa Econômica Federal anunciou na manhã desta segunda-feira, 5 de agosto, o calendário para o pagamento de até R$ 500 por conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Os repasses vão iniciar no dia 13 de setembro e serão feitos até 31 de março de 2020, conforme a data de nascimento dos beneficiários.


O valor será depositado automaticamente no dia 13 de setembro, para pessoas nascidas em janeiro, fevereiro, março e abril, que têm conta poupança na Caixa. Aqueles com data de aniversário em maio, junho, julho e agosto recebem a partir do dia 27 de setembro de 2019. Para trabalhadores nascidos em setembro, outubro, novembro e dezembro, o pagamento será feito a partir do dia 9 de outubro de 2019.


O crédito automático só será realizado para quem abriu conta poupança na Caixa Econômica Federal até o dia 24 de julho de 2019, data de publicação da Medida Provisória que autoriza esse repasse. O pagamento aos não correntistas da Caixa, pessoas que possuem contas em outros bancos, seguirá um cronograma diferente.


Calendário para quem não tem conta na Caixa


- Nascidos em janeiro: saques a partir de 18 de outubro;

- Nascidos em fevereiro: saques a partir de 25 de outubro;

- Nascidos em março: saques a partir de 8 de novembro;

- Nascidos em abril: saques a partir de 22 de novembro;

Nascidos em maio: saques a partir de 6 de dezembro.

- Nascidos em junho: saques a partir de 18 de dezembro;

- Nascidos em julho: saques a partir de 10 de janeiro de 2020;

- Nascidos em agosto: saques a partir de 17 de janeiro de 2020;

- Nascidos em setembro: saques a partir 24 de janeiro de 2020;

- Nascidos em outubro: saques a partir de 7 de fevereiro de 2020;

- Nascidos em novembro: saques a partir de 14 de fevereiro de

2020;

- Nascidos em dezembro: saques a partir de 6 de março de 2020.


Como será o pagamento


Segundo a Caixa, cerca de 33 milhões de trabalhadores receberão o crédito automático na conta poupança. Caso o trabalhador não queira retirar o recurso, será necessário informar a decisão em um dos canais divulgados pelo banco até 30 de abril de 2020. Desta forma, os valores não sacados serão devolvidos à conta vinculada ao FGTS.


Como fazer os saques


Quem não tem conta na Caixa deverá seguir o cronograma divulgado pelo banco público (veja acima). Para quem possui Cartão Cidadão, o saque pode ser feito diretamente no caixa automático. Resgates inferiores a R$ 100 poderão ser realizados em casas lotéricas, com exigência de apresentação de carteira de identidade e CPF. Nas contas do governo, a liberação dos recursos deve impulsionar o PIB (Produto Interno Bruto) do país em 0,35 ponto percentual ao longo de 12 meses. Para 2020, o valor esperado para o FGTS é de aproximadamente R$ 12 bilhões.


Fonte: Agência Brasil