Geral

20 mai 21 | 6h00 Por Jocimar Soares

Governo Federal reconhece Decreto de Emergência de Presidente Castello Branco

Confirmação foi feita no Diário Oficial da União, edição desta quarta-feira, dia 19

Governo Federal reconhece Decreto de Emergência de Presidente Castello Branco
Imprimir

A Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil reconheceu o Decreto de Situação de Emergência do município de Presidente Castello Branco. A homologação aconteceu pela Portaria 956, publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira, dia 19. Com isso, da Associação dos Municípios do Alto Uruguai de Santa Catarina, Presidente Castello Branco é a segunda cidade a ter o reconhecimento por parte do órgão vinculado ao Ministério do Desenvolvimento Regional. A primeira foi a cidade de Concórdia, na última semana.


Além de Presidente Castello Branco, houve o reconhecimento do Decreto de Emergência de outras quatro cidades em nível de Brasil por eventos climáticos adversos, seja estiagem ou chuvas intensas: Santa Inês (BA), Malacacheta (MG), Frederico Westphalen (RS) e Biguaçu (SC).


A exemplo da Capital do Trabalho, Castello Branco baixou o Decreto de Situação de emergência nas últimas semanas por conta da estiagem. Teve a confirmação do documento por parte da Defesa Civil estadual e agora passa a estar apto a receber recursos federais para mitigar os prejuízos causados pela seca.


Dos 14 municípios da microrregião, apenas Arabutã e Itá ainda não fizeram novos Decretos de Emergência por conta dos prejuízos, uma vez que os atuais decretos, baixados em outubro do ano passado, ainda estão em vigor.



20 mai 21 | 6h00 Por Jocimar Soares

Governo Federal reconhece Decreto de Emergência de Presidente Castello Branco

Confirmação foi feita no Diário Oficial da União, edição desta quarta-feira, dia 19

Governo Federal reconhece Decreto de Emergência de Presidente Castello Branco

A Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil reconheceu o Decreto de Situação de Emergência do município de Presidente Castello Branco. A homologação aconteceu pela Portaria 956, publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira, dia 19. Com isso, da Associação dos Municípios do Alto Uruguai de Santa Catarina, Presidente Castello Branco é a segunda cidade a ter o reconhecimento por parte do órgão vinculado ao Ministério do Desenvolvimento Regional. A primeira foi a cidade de Concórdia, na última semana.


Além de Presidente Castello Branco, houve o reconhecimento do Decreto de Emergência de outras quatro cidades em nível de Brasil por eventos climáticos adversos, seja estiagem ou chuvas intensas: Santa Inês (BA), Malacacheta (MG), Frederico Westphalen (RS) e Biguaçu (SC).


A exemplo da Capital do Trabalho, Castello Branco baixou o Decreto de Situação de emergência nas últimas semanas por conta da estiagem. Teve a confirmação do documento por parte da Defesa Civil estadual e agora passa a estar apto a receber recursos federais para mitigar os prejuízos causados pela seca.


Dos 14 municípios da microrregião, apenas Arabutã e Itá ainda não fizeram novos Decretos de Emergência por conta dos prejuízos, uma vez que os atuais decretos, baixados em outubro do ano passado, ainda estão em vigor.