Geral

18 dez | 16h26 Por Rádio Aliança

Cavalo que morreu em sanga é enterrado

Dar um destino às carcaças de animais mortos é responsabilidade dos donos

Cavalo que morreu em sanga é enterrado
Imprimir

A história do cavalo que foi encontrado morto em uma sanga na comunidade de Linha Quintino teve um desfecho nesta terça-feira, 18 de dezembro. O fato ganhou visibilidade na imprensa porque os moradores procuraram o Jornalismo da Rádio Aliança por não saber a quem recorrer para ajudá-los a dar um destino correto à carcaça do animal.


 

O cavalo morto foi encontrado no último domingo e o que chamou atenção dos moradores daquela região foi o mau cheiro. Na manhã de ontem, o proprietário do terreno onde o animal morreu contratou uma empresa que removeu a carcaça da sanga em enterrou um local afastado do corego.


 

Quando ocorre a morte de animais é responsabilidade do dono dar um destino correto às carcaças. Na região até existe uma parceria das prefeituras com a empresa CBrasa. Em caso de dúvidas sobre como proceder, a orientação é que se entre em contato com a Vigilância Sanitária. Em Concórdia os telefones são o (49) 3030 0725 ou 98414 4691.


 

18 dez | 16h26 Por Rádio Aliança

Cavalo que morreu em sanga é enterrado

Dar um destino às carcaças de animais mortos é responsabilidade dos donos

Cavalo que morreu em sanga é enterrado

A história do cavalo que foi encontrado morto em uma sanga na comunidade de Linha Quintino teve um desfecho nesta terça-feira, 18 de dezembro. O fato ganhou visibilidade na imprensa porque os moradores procuraram o Jornalismo da Rádio Aliança por não saber a quem recorrer para ajudá-los a dar um destino correto à carcaça do animal.


 

O cavalo morto foi encontrado no último domingo e o que chamou atenção dos moradores daquela região foi o mau cheiro. Na manhã de ontem, o proprietário do terreno onde o animal morreu contratou uma empresa que removeu a carcaça da sanga em enterrou um local afastado do corego.


 

Quando ocorre a morte de animais é responsabilidade do dono dar um destino correto às carcaças. Na região até existe uma parceria das prefeituras com a empresa CBrasa. Em caso de dúvidas sobre como proceder, a orientação é que se entre em contato com a Vigilância Sanitária. Em Concórdia os telefones são o (49) 3030 0725 ou 98414 4691.