Geral

29 ago 19 | 14h34 Por Analu Slongo

Audiência pública sobre coleta de animais será realizada em Seara nesta sexta

Encontro vai iniciar às 14h no auditório da Câmara de Vereadores e toda a comunidade pode participar do debate

Audiência pública sobre coleta de animais será realizada em Seara nesta sexta
Escute
Imprimir

Cerca de 150 pessoas deverão participar nesta sexta-feira, 30 de agosto, da audiência pública no município de Seara para sobre a dificuldade de dar um destino correto às carcaças de animais mortos. Já está confirmada a presença de entidades, associações que representam o setor, agricultores, prefeitos da região, deputados e vereadores de vários municípios.


O líder da bancada do PT na Assembleia Legislativa de SC, deputado Flávio da Luz, foi quem propôs essa audiência. Segundo ele, objetivo principal é debater a questão que preocupa os agricultores e as autoridades da região. “Este é um dos principais temas desta importante região do nosso Estado" ressalta o deputado.


A vereadora de Seara, Enelsi Mariani (PT), destaca que o destino dos animais mortos passou a ser um problema depois que a Cbrasa parou com o recolhimento das carcaças em maio deste ano, por dificuldades financeiras. “As propriedades não estão estruturadas para dar o destino correto ao animais, principalmente os de grande porte”, enfatiza.



Em Santa Catarina, cerca de 76 mil cabeças de gado e suínos morrem por ano. O montante implica em mais de 8 mil toneladas de carcaça que, com a coleta suspensa, acabam no meio ambiente. A audiência pública vai ocorrer a partir das 14h, no auditório da Câmara de Vereadores de Seara.


29 ago 19 | 14h34 Por Analu Slongo

Audiência pública sobre coleta de animais será realizada em Seara nesta sexta

Encontro vai iniciar às 14h no auditório da Câmara de Vereadores e toda a comunidade pode participar do debate

Audiência pública sobre coleta de animais será realizada em Seara nesta sexta

Cerca de 150 pessoas deverão participar nesta sexta-feira, 30 de agosto, da audiência pública no município de Seara para sobre a dificuldade de dar um destino correto às carcaças de animais mortos. Já está confirmada a presença de entidades, associações que representam o setor, agricultores, prefeitos da região, deputados e vereadores de vários municípios.


O líder da bancada do PT na Assembleia Legislativa de SC, deputado Flávio da Luz, foi quem propôs essa audiência. Segundo ele, objetivo principal é debater a questão que preocupa os agricultores e as autoridades da região. “Este é um dos principais temas desta importante região do nosso Estado" ressalta o deputado.


A vereadora de Seara, Enelsi Mariani (PT), destaca que o destino dos animais mortos passou a ser um problema depois que a Cbrasa parou com o recolhimento das carcaças em maio deste ano, por dificuldades financeiras. “As propriedades não estão estruturadas para dar o destino correto ao animais, principalmente os de grande porte”, enfatiza.



Em Santa Catarina, cerca de 76 mil cabeças de gado e suínos morrem por ano. O montante implica em mais de 8 mil toneladas de carcaça que, com a coleta suspensa, acabam no meio ambiente. A audiência pública vai ocorrer a partir das 14h, no auditório da Câmara de Vereadores de Seara.