Expo Concórdia 2019

08 set 19 | 11h36 Por Jocimar Soares

Tranquilidade marca a Expo Concórdia 2019 até aqui

Apenas algumas pequenas ocorrências foram registradas pela Segurança Pública.

Tranquilidade marca a Expo Concórdia 2019 até aqui
Imprimir

A tranquilidade tem sido a marca registrada dentro do Parque de Exposições após dois dias de Expo Concórdia 2019. Até o momento, nenhum acontecimento de vulto foi registrado no local. A informação é dos órgãos de segurança pública, que estão instaladas no parque de exposiçoes para o apoio aos visitantes.


Pela Polícia Civil, apenas uma perda de aparelho de celular foi registrada no sábado, dia sete. A proprietária fez o Boletim de Ocorrência no posto da Polícia Civil, já que não achou o aparelho. Já a Polícia Militar verificou algumas situações de crianças que se perderam dos pais.


Pelo Corpo de Bombeiros, foram oito atendimentos durante o sábado, dia sete. Todos eles de pessoas que sentiram algum mal estar. Em um dos casos, uma pessoa teve uma crise de ansiedade, possivelmente ligada a claustrofobia, em uma das áreas internas do Parque de Exposições.


O Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Polícia Civil estão com posto de atendimento dentro do Parque de Exposições.

08 set 19 | 11h36 Por Jocimar Soares

Tranquilidade marca a Expo Concórdia 2019 até aqui

Apenas algumas pequenas ocorrências foram registradas pela Segurança Pública.

Tranquilidade marca a Expo Concórdia 2019 até aqui

A tranquilidade tem sido a marca registrada dentro do Parque de Exposições após dois dias de Expo Concórdia 2019. Até o momento, nenhum acontecimento de vulto foi registrado no local. A informação é dos órgãos de segurança pública, que estão instaladas no parque de exposiçoes para o apoio aos visitantes.


Pela Polícia Civil, apenas uma perda de aparelho de celular foi registrada no sábado, dia sete. A proprietária fez o Boletim de Ocorrência no posto da Polícia Civil, já que não achou o aparelho. Já a Polícia Militar verificou algumas situações de crianças que se perderam dos pais.


Pelo Corpo de Bombeiros, foram oito atendimentos durante o sábado, dia sete. Todos eles de pessoas que sentiram algum mal estar. Em um dos casos, uma pessoa teve uma crise de ansiedade, possivelmente ligada a claustrofobia, em uma das áreas internas do Parque de Exposições.


O Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Polícia Civil estão com posto de atendimento dentro do Parque de Exposições.