Coronavírus

20 nov 21 | 17h45 Por André Krüger

Região se mantém no nível moderado pela terceira semana consecutiva

Pela sétima semana consecutiva, nenhuma região do estado foi classificada nos níveis de risco Grave (laranja) ou Gravíssimo (vermelho)

Região se mantém no nível moderado pela terceira semana consecutiva
Imprimir

Pela terceira semana consecutiva, a microrregião do Alto Uruguai de Santa Catarina, Amauc, se mantém no nível moderado no mapa de risco sanitário do coronavírus, representado pela cor azul, o mais brando no mapa. A publicação foi feita neste sábado, dia 20, pela Secretaria de Estado da Saúde. Já o Estado, pela sétima semana consecutiva, não tem nenhuma região classificada nos níveis de risco Grave (laranja) ou Gravíssimo (vermelho).


A microrregião manteve a melhor nota (1,25) em SC, a mais baixa, pela segunda semana no mapa estadual se forem considerados todos os quesitos.


Conforme a Matriz de Risco Potencial Regionalizado divulgada neste sábado, dia 20, a região manteve os quatro quesitos do mapa de risco. Na "gravidade", que mede a ocorrência de óbitos por covid e tendência de internações por síndrome respiratória aguda grave, a nota do quesito ficou em 2,00. 


Na metodologia "transmissibilidade", que analisa os casos confirmados por exame de PCR e casos infectantes, a nota permaneceu 1,00.


No "monitoramento", que mede o percentual de vacinados com a segunda ou dose única e a variação de novos casos na semana a nota para 1,00.


Por fim, o item "capacidade de atenção" que analisa a taxa de ocupação de leitos de UTIs reservadas para covid-19, a nota permanece em 1,00.

20 nov 21 | 17h45 Por André Krüger

Região se mantém no nível moderado pela terceira semana consecutiva

Pela sétima semana consecutiva, nenhuma região do estado foi classificada nos níveis de risco Grave (laranja) ou Gravíssimo (vermelho)

Região se mantém no nível moderado pela terceira semana consecutiva

Pela terceira semana consecutiva, a microrregião do Alto Uruguai de Santa Catarina, Amauc, se mantém no nível moderado no mapa de risco sanitário do coronavírus, representado pela cor azul, o mais brando no mapa. A publicação foi feita neste sábado, dia 20, pela Secretaria de Estado da Saúde. Já o Estado, pela sétima semana consecutiva, não tem nenhuma região classificada nos níveis de risco Grave (laranja) ou Gravíssimo (vermelho).


A microrregião manteve a melhor nota (1,25) em SC, a mais baixa, pela segunda semana no mapa estadual se forem considerados todos os quesitos.


Conforme a Matriz de Risco Potencial Regionalizado divulgada neste sábado, dia 20, a região manteve os quatro quesitos do mapa de risco. Na "gravidade", que mede a ocorrência de óbitos por covid e tendência de internações por síndrome respiratória aguda grave, a nota do quesito ficou em 2,00. 


Na metodologia "transmissibilidade", que analisa os casos confirmados por exame de PCR e casos infectantes, a nota permaneceu 1,00.


No "monitoramento", que mede o percentual de vacinados com a segunda ou dose única e a variação de novos casos na semana a nota para 1,00.


Por fim, o item "capacidade de atenção" que analisa a taxa de ocupação de leitos de UTIs reservadas para covid-19, a nota permanece em 1,00.