Concórdia

23 set 21 | 20h22 Por André Krüger

Ministério Público Concórdia vai investigar notificações aplicadas aos usuários da Área Azul

Conforme o MP, muitas plaquetas estão com a identificação apagada impossibilitando a verificação dos números para inserção no aplicativo da empresa

  Ministério Público Concórdia vai investigar notificações aplicadas aos usuários da Área Azul
Imprimir

O Ministério Público em Concórdia instaurou um procedimento para investigar possíveis irregularidades na aplicação de notificações a motoristas na aplicação de notificações por possíveis descumprimentos no uso do estacionamento rotativo em Concórdia. A questão é referente à qualidade visual das plaquinhas, que estão colocadas no meio fio para identificar as vagas. Na visão do MP, algumas delas estariam rasuradas ou apagadas, impossibilitando a identificação do número da vaga.


A Promotoria Pública esclarece em alguns casos, a dificuldade em visualizar a identificação estaria nas vagas vizinhas, o que aumenta a dificuldade do motorista em se situar sobre a vaga de Área Azul que está ocupando.


O Promotor de Justiça, Luis Otávio Tonial, quer saber se os usuários do estacionamento estão sendo notificados por não terem efetuado o pagamento pelo horário nas vagas com problemas de identificação.


Caso o motorista tenha enfrentado esse problema poderá entrar em contato com o Ministério Público, as mensagens podem ser encaminhadas ao e-mail: concordia02pj@mpsc.mp.br. É necessário anexar ticket de notificação ou eventual multa para identificar se a vaga em questão apresenta problemas de visualização.

23 set 21 | 20h22 Por André Krüger

Ministério Público Concórdia vai investigar notificações aplicadas aos usuários da Área Azul

Conforme o MP, muitas plaquetas estão com a identificação apagada impossibilitando a verificação dos números para inserção no aplicativo da empresa

  Ministério Público Concórdia vai investigar notificações aplicadas aos usuários da Área Azul

O Ministério Público em Concórdia instaurou um procedimento para investigar possíveis irregularidades na aplicação de notificações a motoristas na aplicação de notificações por possíveis descumprimentos no uso do estacionamento rotativo em Concórdia. A questão é referente à qualidade visual das plaquinhas, que estão colocadas no meio fio para identificar as vagas. Na visão do MP, algumas delas estariam rasuradas ou apagadas, impossibilitando a identificação do número da vaga.


A Promotoria Pública esclarece em alguns casos, a dificuldade em visualizar a identificação estaria nas vagas vizinhas, o que aumenta a dificuldade do motorista em se situar sobre a vaga de Área Azul que está ocupando.


O Promotor de Justiça, Luis Otávio Tonial, quer saber se os usuários do estacionamento estão sendo notificados por não terem efetuado o pagamento pelo horário nas vagas com problemas de identificação.


Caso o motorista tenha enfrentado esse problema poderá entrar em contato com o Ministério Público, as mensagens podem ser encaminhadas ao e-mail: concordia02pj@mpsc.mp.br. É necessário anexar ticket de notificação ou eventual multa para identificar se a vaga em questão apresenta problemas de visualização.