Concórdia

25 jun 20 | 14h04 Por Analu Slongo

Igrejas católicas terão missa com público a partir de 4 de julho – OUÇA

Na Paróquia Nossa Senhora do Rosário de Concórdia será preciso retirar a senha com antecedência

Igrejas católicas terão missa com público a partir de 4 de julho – OUÇA
Escute
Imprimir

O bispo Dom Mário Marquez assinou um decreto autorizando que as paróquias da diocese de Joaçaba retomem as celebrações com a presença dos fieis a partir do sábado, dia 4 de julho. O pároco da Paróquia Nossa Senhora do Rosário de Concórdia, Frei José Idair Augusto, comenta que as capelas poderão receber somente 30% da capacidade máxima de ocupação (ouça o áudio acima).


Ainda nesta semana a paróquia vai iniciar a distribuição de senhas para os horários das missas. Será preciso ir até a secretaria para retirar a senha com antecedência, para que seja possível ter um controle do número de público e para evitar aglomerações em frente à igreja.


O pároco reforça que nas capelas dos bairros ou do interior haverá celebrações das missas, mas os cultos com os ministros continuam suspensos. A distribuição da eucaristia será na mão e também haverá um controle para que as pessoas não se aglomerem. As transmissões pela internet serão mantidas.


A Paróquia São Cristóvão também voltará com missas presenciais em 4 de julho, mas não será preciso retirar senhas. Nas comunidades do interior haverá missa uma vez ao mês e os cultos seguem suspensos. 

25 jun 20 | 14h04 Por Analu Slongo

Igrejas católicas terão missa com público a partir de 4 de julho – OUÇA

Na Paróquia Nossa Senhora do Rosário de Concórdia será preciso retirar a senha com antecedência

Igrejas católicas terão missa com público a partir de 4 de julho – OUÇA

O bispo Dom Mário Marquez assinou um decreto autorizando que as paróquias da diocese de Joaçaba retomem as celebrações com a presença dos fieis a partir do sábado, dia 4 de julho. O pároco da Paróquia Nossa Senhora do Rosário de Concórdia, Frei José Idair Augusto, comenta que as capelas poderão receber somente 30% da capacidade máxima de ocupação (ouça o áudio acima).


Ainda nesta semana a paróquia vai iniciar a distribuição de senhas para os horários das missas. Será preciso ir até a secretaria para retirar a senha com antecedência, para que seja possível ter um controle do número de público e para evitar aglomerações em frente à igreja.


O pároco reforça que nas capelas dos bairros ou do interior haverá celebrações das missas, mas os cultos com os ministros continuam suspensos. A distribuição da eucaristia será na mão e também haverá um controle para que as pessoas não se aglomerem. As transmissões pela internet serão mantidas.


A Paróquia São Cristóvão também voltará com missas presenciais em 4 de julho, mas não será preciso retirar senhas. Nas comunidades do interior haverá missa uma vez ao mês e os cultos seguem suspensos.