Concórdia

26 fev 20 | 8h00 Por Analu Slongo

Coronavírus chega ao Brasil e paciente de SP está bem

Homem que esteve em Lombardia na Itália está em casa e ficará isolado por 14 dias

Coronavírus chega ao Brasil e paciente de SP está bem
Imprimir

O Ministério da Saúde confirmou na terça-feira, 25, que um homem de 61 anos que regressou no último dia 21 da Lombardia, no Norte da Itália, está com coronavírus. Ele permaneceu na Itália do dia 9 ao dia 21 de fevereiro em uma viagem a trabalho e sozinho. O homem, que não teve a identidade divulgada, passou por observação no Hospital Israelita Albert Einstein, na Zona Sul da capital paulista, mas, segundo a instituição, foi enviado para casa – onde ficará isolado pelos próximos 14 dias.


De acordo com o Ministério da Saúde, ele apresenta os sintomas da doença – tosse seca, febre, dor de garganta e coriza –, mas passa bem e tem “sinais brandos”. Em nota, o Hospital Albert Einstein afirma que a equipe médica continuará monitorando o estado de saúde do paciente, assim como os das pessoas que tiveram contato próximo com ele.


Segundo o Ministério da Saúde, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) está analisando toda a lista de passageiros do voo que trouxe o homem para São Paulo, e as secretarias estaduais de Saúde serão informadas sobre o destino final de cada viajante. Se um passageiro que estava no mesmo voo tiver feito apenas conexão em São Paulo, outros estados também serão avisados para entrar em alerta e adotar medidas sanitárias. (Fonte: Veja.com)


Recomendações importantes


· Cobrir a boca e nariz ao tossir ou espirrar;

· Utilizar lenço descartável para higiene nasal;

· Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;

· Não compartilhar objetos de uso pessoal;

· Limpar regularmente o ambiente e mantê-lo ventilado;

· Lavar as mãos por pelo menos 20 segundos com água e sabão ou usar antisséptico de mãos à base de álcool;

· Deslocamentos não devem ser realizados enquanto a pessoa estiver doente;

· Quem for viajar aos locais com circulação do vírus deve evitar contato com pessoas doentes, animais (vivos ou mortos), e a circulação em mercados de animais e seus produtos.

26 fev 20 | 8h00 Por Analu Slongo

Coronavírus chega ao Brasil e paciente de SP está bem

Homem que esteve em Lombardia na Itália está em casa e ficará isolado por 14 dias

Coronavírus chega ao Brasil e paciente de SP está bem

O Ministério da Saúde confirmou na terça-feira, 25, que um homem de 61 anos que regressou no último dia 21 da Lombardia, no Norte da Itália, está com coronavírus. Ele permaneceu na Itália do dia 9 ao dia 21 de fevereiro em uma viagem a trabalho e sozinho. O homem, que não teve a identidade divulgada, passou por observação no Hospital Israelita Albert Einstein, na Zona Sul da capital paulista, mas, segundo a instituição, foi enviado para casa – onde ficará isolado pelos próximos 14 dias.


De acordo com o Ministério da Saúde, ele apresenta os sintomas da doença – tosse seca, febre, dor de garganta e coriza –, mas passa bem e tem “sinais brandos”. Em nota, o Hospital Albert Einstein afirma que a equipe médica continuará monitorando o estado de saúde do paciente, assim como os das pessoas que tiveram contato próximo com ele.


Segundo o Ministério da Saúde, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) está analisando toda a lista de passageiros do voo que trouxe o homem para São Paulo, e as secretarias estaduais de Saúde serão informadas sobre o destino final de cada viajante. Se um passageiro que estava no mesmo voo tiver feito apenas conexão em São Paulo, outros estados também serão avisados para entrar em alerta e adotar medidas sanitárias. (Fonte: Veja.com)


Recomendações importantes


· Cobrir a boca e nariz ao tossir ou espirrar;

· Utilizar lenço descartável para higiene nasal;

· Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;

· Não compartilhar objetos de uso pessoal;

· Limpar regularmente o ambiente e mantê-lo ventilado;

· Lavar as mãos por pelo menos 20 segundos com água e sabão ou usar antisséptico de mãos à base de álcool;

· Deslocamentos não devem ser realizados enquanto a pessoa estiver doente;

· Quem for viajar aos locais com circulação do vírus deve evitar contato com pessoas doentes, animais (vivos ou mortos), e a circulação em mercados de animais e seus produtos.