Concórdia

30 jul 21 | 11h30 Por Jocimar Soares

Concórdia fecha semestre com saldo positivo de 1.405 postos de trabalho criados em 2021

Dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, o Caged

Concórdia fecha semestre com saldo positivo de 1.405 postos de trabalho criados em 2021
Imprimir

Ainda conforme o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, o Caged, o município de Concórdia registrou saldo positivo de 1.405 postos de trabalho nos primeiros seis meses de 2021. O balanço foi buscado pela reportagem da Aliança FM através dos dados mensais, já anunciados pelo Governo Federal.


Na primeira metade do ano, foram 8.599 admissões e 7.194 demissões, resultando no saldo de 1.405 postos.


No cômputo geral do primeiro semestre, o setor de serviços foi responsável pela geração de 731 postos de trabalho de saldo positivo; seguido pela indústria, com 452. Na sequência vêm o comércio (139) e construção (85).


Nesse aspecto global, o setor agropecuário teve saldo negativo de dois postos de trabalho na primeira parte desse ano na maior cidade do Alto Uruguai de Santa Catarina.


30 jul 21 | 11h30 Por Jocimar Soares

Concórdia fecha semestre com saldo positivo de 1.405 postos de trabalho criados em 2021

Dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, o Caged

Concórdia fecha semestre com saldo positivo de 1.405 postos de trabalho criados em 2021

Ainda conforme o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, o Caged, o município de Concórdia registrou saldo positivo de 1.405 postos de trabalho nos primeiros seis meses de 2021. O balanço foi buscado pela reportagem da Aliança FM através dos dados mensais, já anunciados pelo Governo Federal.


Na primeira metade do ano, foram 8.599 admissões e 7.194 demissões, resultando no saldo de 1.405 postos.


No cômputo geral do primeiro semestre, o setor de serviços foi responsável pela geração de 731 postos de trabalho de saldo positivo; seguido pela indústria, com 452. Na sequência vêm o comércio (139) e construção (85).


Nesse aspecto global, o setor agropecuário teve saldo negativo de dois postos de trabalho na primeira parte desse ano na maior cidade do Alto Uruguai de Santa Catarina.