Concórdia

19 jan 22 | 20h00 Por Jocimar Soares

Balança comercial de Concórdia fica positiva em 2021 e exportações crescem 76,3%

Dados são do Ministério do Desenvolvimento da Indústria e Comércio, relativos aos 12 meses do ano passado

Balança comercial de Concórdia fica positiva em 2021 e exportações crescem 76,3%
Imprimir

A balança comercial de Concórdia foi positiva em US$ 2,7 milhões em 2021. A informação é do Ministério do Desenvolvimento da Indústria e Comércio, do Governo Federal. Os dados são relativos aos meses de janeiro e dezembro.


Neste período, algumas empresas sediadas em Concórdia exportaram US$ 15,02 milhões, o que significa uma alta de 76,3% em comparação com 2020, cujo resultado foi de US$ 8,52 milhões.


Por outro lado, foram comprados de outros países o equivalente a US$ 12,31 milhões, alta de mais de 155% em comparação com o ano anterior, em que foram aplicados US$ 4,83 milhões em produtos de fora do país.


Conforme o Governo Federal, produtos derivados de carnes respondem pela maior parte das exportações, com 45%, já o de origem ae madeira vem logo na sequência, com 23%. 


Por outro lado, maquinário industrial voltado para a indústria de alimentos foi o que mais demandou importações, com 36%, seguido por aparelhos de som e imagem, com 8,2%.


No ranking estadual, Concórdia melhorou sua posição em comparação com 2020, indo de 79º para 67º. No nacional, foi do 990º para 906º.


Os principais parceiros comerciais de Concórdia em 2021 foram EUA, Venezuela, Guiana, Peru, Bolívia, Paraguai, Argentina, Uruguai, Chile e Itália.

19 jan 22 | 20h00 Por Jocimar Soares

Balança comercial de Concórdia fica positiva em 2021 e exportações crescem 76,3%

Dados são do Ministério do Desenvolvimento da Indústria e Comércio, relativos aos 12 meses do ano passado

Balança comercial de Concórdia fica positiva em 2021 e exportações crescem 76,3%

A balança comercial de Concórdia foi positiva em US$ 2,7 milhões em 2021. A informação é do Ministério do Desenvolvimento da Indústria e Comércio, do Governo Federal. Os dados são relativos aos meses de janeiro e dezembro.


Neste período, algumas empresas sediadas em Concórdia exportaram US$ 15,02 milhões, o que significa uma alta de 76,3% em comparação com 2020, cujo resultado foi de US$ 8,52 milhões.


Por outro lado, foram comprados de outros países o equivalente a US$ 12,31 milhões, alta de mais de 155% em comparação com o ano anterior, em que foram aplicados US$ 4,83 milhões em produtos de fora do país.


Conforme o Governo Federal, produtos derivados de carnes respondem pela maior parte das exportações, com 45%, já o de origem ae madeira vem logo na sequência, com 23%. 


Por outro lado, maquinário industrial voltado para a indústria de alimentos foi o que mais demandou importações, com 36%, seguido por aparelhos de som e imagem, com 8,2%.


No ranking estadual, Concórdia melhorou sua posição em comparação com 2020, indo de 79º para 67º. No nacional, foi do 990º para 906º.


Os principais parceiros comerciais de Concórdia em 2021 foram EUA, Venezuela, Guiana, Peru, Bolívia, Paraguai, Argentina, Uruguai, Chile e Itália.