Concórdia

05 ago 20 | 10h03 Por Jocimar Soares

Arrecadação dos municípios cai mais de 50% no primeiro semestre

Estiagem, que parou a UHE de Itá por 108 dias, é apontada como fator de redução.

Arrecadação dos municípios cai mais de 50% no primeiro semestre
Imprimir

Caiu mais de 50% a arrecadação dos municípios lindeiros da Usina Hidrelétrica de Itá no primeiro semestre desse ano, em termos de arrecadação de royalties. Nos primeiros seis meses desse ano, as 10 prefeituras de cidades que foram banhadas com a formação do lago, nos estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul, arrecadaram R$ 5.492.193,37.


Nesse mesmo período em 2019, essas mesmas cidades arrecadaram R$ 10.275.079,87. Com isso, a queda foi de 46,5% em comparação com os dois períodos.


Um dos motivos apontados para essa diminuição na arrecadação das prefeituras, diz respeito à estiagem, que deixou a Usina Hidrelétrica de Itá sem gerar energia pelo período de 108 dias. A usina voltou no dia dois de julho desse ano.


Mesmo com essa baixa na produção, o município de Concórdia arrecadou R$ 1.585.655,38. Nesse mesmo período, em 2019, a Capital do Trabalho havia recebido R$ 2.968.397,08 com a compensação financeira pela geração de energia elétrica.

05 ago 20 | 10h03 Por Jocimar Soares

Arrecadação dos municípios cai mais de 50% no primeiro semestre

Estiagem, que parou a UHE de Itá por 108 dias, é apontada como fator de redução.

Arrecadação dos municípios cai mais de 50% no primeiro semestre

Caiu mais de 50% a arrecadação dos municípios lindeiros da Usina Hidrelétrica de Itá no primeiro semestre desse ano, em termos de arrecadação de royalties. Nos primeiros seis meses desse ano, as 10 prefeituras de cidades que foram banhadas com a formação do lago, nos estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul, arrecadaram R$ 5.492.193,37.


Nesse mesmo período em 2019, essas mesmas cidades arrecadaram R$ 10.275.079,87. Com isso, a queda foi de 46,5% em comparação com os dois períodos.


Um dos motivos apontados para essa diminuição na arrecadação das prefeituras, diz respeito à estiagem, que deixou a Usina Hidrelétrica de Itá sem gerar energia pelo período de 108 dias. A usina voltou no dia dois de julho desse ano.


Mesmo com essa baixa na produção, o município de Concórdia arrecadou R$ 1.585.655,38. Nesse mesmo período, em 2019, a Capital do Trabalho havia recebido R$ 2.968.397,08 com a compensação financeira pela geração de energia elétrica.