Carnaval Concórdia 2015

17 fev | 9h51 Por Rádio Aliança

Carnaval de Concórdia deve virar produto turístico

Festa cresceu bastante e pode ser alternativa para movimentar a economia do município e da região

Carnaval de Concórdia deve virar produto turístico
Imprimir

Iniciado em 2010, o Carnaval de Rua de Concórdia cresce a cada ano e para o secretário executivo do Convention Bureau, Agenor Frigo, o evento já possui condições de se tornar um produto turístico do município. “Como um produto ele precisa ser vendido e é este trabalho que vamos iniciar agora”, afirma. 

Segundo Frigo uma reunião com a Liga Independente das Escolas de Samba e com a Fundação Municipal de cultura já está marcada. O trabalho extenso e também necessita de articulação regional para que de os resultados esperados. 

Frigo ressalta que não basta o envolvimento somente dos organizadores do carnaval e das Escolas de Samba, mas da sociedade como um todo. Comércio, hotéis, restaurantes, todos devem estar mobilizados e preparados para receber turistas. “É uma grande oportunidade para Concórdia e para toda a região”, finaliza 

 

17 fev | 9h51 Por Rádio Aliança

Carnaval de Concórdia deve virar produto turístico

Festa cresceu bastante e pode ser alternativa para movimentar a economia do município e da região

Carnaval de Concórdia deve virar produto turístico

Iniciado em 2010, o Carnaval de Rua de Concórdia cresce a cada ano e para o secretário executivo do Convention Bureau, Agenor Frigo, o evento já possui condições de se tornar um produto turístico do município. “Como um produto ele precisa ser vendido e é este trabalho que vamos iniciar agora”, afirma. 

Segundo Frigo uma reunião com a Liga Independente das Escolas de Samba e com a Fundação Municipal de cultura já está marcada. O trabalho extenso e também necessita de articulação regional para que de os resultados esperados. 

Frigo ressalta que não basta o envolvimento somente dos organizadores do carnaval e das Escolas de Samba, mas da sociedade como um todo. Comércio, hotéis, restaurantes, todos devem estar mobilizados e preparados para receber turistas. “É uma grande oportunidade para Concórdia e para toda a região”, finaliza