ATENDIMENTO (49) 3441 2801
Já possui uma conta? Entrar | Cadastre-se

Faça login

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro. É rápido, fácil e garante acesso a diferentes serviços.

Cadastre-se

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro.

 

Artista Simone Talin instiga a reflexão sobre o vazio
Trabalho de pesquisa pode ser visitado na Galeria de Artes do Memorial Attilio Fontana
Publicado 13/08/2018
 

Por Analu Slongo

O que você procura encontrar quando visita uma galeria de artes? Certamente irá pensar em um local com inúmeros quadros coloridos, esculturas diferentes, peças raras ou desenhos inusitados. E se você entrasse em uma galeria e não visualizasse nada? A artista Simone Talin está desafiando o público que visitar a Galeria de Artes do Memorial Attilio Fontana em Concórdia a experimentar essa sensação. Ao invés de ver, a proposta é fazer sentir e pensar.

 

O trabalho que é intitulado de “Estudo Sobre o Vazio de uma Galeria Vazia” nasceu de uma pesquisa. A artista conta que está recebendo muitos retornos sobre a sensação das pessoas que visitam o trabalho e se deparam com um espaço em branco.

 

Simone pontua que a intenção é criar essa provocação. “Na verdade o vazio para mim é um preenchimento e nós nunca estamos vazios por completo. Em outras culturas, o vazio significa amplitude, tanto que a tradução dessa palavra na língua japonesa significa céu”, detalha Simone.

 

E que tal descobrir qual é o preenchimento para o seu vazio? Se você quiser experimentar essa sensação poderá visitar o trabalho de Simone Talin até o dia 31 de agosto, no Memorial Attilio Fontana. A entrada é gratuita e a galeria estará aberta de terça a sábado, das 14h às 19h. Para que a plateia entenda como foi a construção deste trabalho, que conta com a curadoria de Artêmio Filho, será exibida uma vídeo performance.

COMENTE