ATENDIMENTO (49) 3441 2801
Já possui uma conta? Entrar | Cadastre-se

Faça login

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro. É rápido, fácil e garante acesso a diferentes serviços.

Cadastre-se

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro.

 

Divulgação.
Sopelsa é eleito presidente da Frente Parlamentar do leite
A implantação da Frente Parlamentar é uma proposta do deputado Moacir Sopelsa e atende uma reivindicação dos produtores.
Publicado 15/06/2018
 

Por Jocimar Soares

Por indicação do vice-presidente da Comissão de Agricultura e Política Rural, deputado Moacir Sopelsa (MDB), com a assinatura dos 40 deputados a Assembleia Legislativa de Santa Catarina instalou na quarta-feira, 13, a Frente Parlamentar de produção e industrialização do Leite. O evento contou como a presença de uma dezena de deputados e o secretário de estado da agricultura e da pesca, Airton Spies. Na oportunidade o deputado Moacir Sopelsa foi eleito, por unanimidade, presidente da Frente Parlamentar.


 
Em seu discurso, Sopelsa agradeceu aos dos deputados pela indicação para a presidência e destacou a necessidade de reunir todos os setores da cadeia produtiva do leite e estabelecer um fórum permanente de debates. “O leite é o nosso terceiro produto no valor de produção agropecuário, cerca de 35 mil famílias vivem da atividade no estado. Por isso, precisamos fortalecer o setor”, defende Sopelsa.


 
Para o deputado, a melhoria da qualidade do leite e da sanidade do rebanho, o desenvolvimento de embalagens mais baratas e práticas, além do aprimoramento do transporte do leite do campo para a indústria são alguns dos pontos a serem enfrentados. “Para ter uma indústria forte, precisamos de produtores fortes, e o inverso também é verdadeiro”, resumiu.


 
O parlamentar destacou a necessidade de uma política que dê segurança para que os produtores permaneçam na atividade. “Através da Frente Parlamentar de Produção e Industrialização do Leite, juntamente com os setores representativos vamos trabalhar para consolidar este setor da economia catarinense que é formado na sua maioria por pequenas propriedades”, finaliza.

 

 
Santa Catarina é o quarto maior produtor de leite do país. Nos últimos anos 11 anos a produção estadual cresceu 92%. Em 2017 a produção chegou a 3,4 bilhões de litros.

 

(Fonte: Douglas Fortes/Especial)

COMENTE