ATENDIMENTO (49) 3441 2801
Já possui uma conta? Entrar | Cadastre-se

Faça login

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro. É rápido, fácil e garante acesso a diferentes serviços.

Cadastre-se

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro.

 

Foto Divulgação Internet
PP e PSD deverão estar juntos na eleição de 2018
Silvio Dreveck diz que será candidato a governador quem tiver mais condições de vencer a disputa
Publicado 09/05/2018
 

Por Analu Slongo

O cenário político ainda é de indecisão para as eleições de outubro, isso porque os partido têm prazo até agosto para homologar as candidaturas. Uma definição já divulgada pelo presidente do PP de Santa Catarina, deputado Silvio Dreveck (foto), é que o PP e PSD estarão unidos no pleito de outubro. “Já estivemos juntos em muitas eleições e temos pensamentos e propostas iguais ou semelhantes para Santa Catarina".

 

O Partido Progressista tem Esperidião Amin como pré-candidato a governador e o PSD o deputado Gelson Merísio. Dreveck diz que o PP não está exigindo a cabeça de chapa. O que ele afirma é que o partido estará na majoritária com o nome a governador ou vice e outra possibilidade é tentar uma vaga ao Senado. “Estamos fazendo avaliações pelo Estado e o que reunir as melhores condições de ganhar a eleição deverá ser o candidato desta aliança”, ressalta o presidente.

 

No Alto Uruguai Catarinense, o partido ainda apresenta nomes para pré-candidatos a deputado. Silvio Dreveck diz que o PP está preenchendo os espaços de acordo com as possibilidades de candidaturas.

COMENTE