ATENDIMENTO (49) 3441 2801
Já possui uma conta? Entrar | Cadastre-se

Faça login

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro. É rápido, fácil e garante acesso a diferentes serviços.

Cadastre-se

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro.

 

Divulgação.
Policia Civil promove ação do Projeto “PC por elas” com adolescentes.
Atividade foi desenvolvida na Escola de Educação Básica Nações.
Publicado 12/03/2018
 

Por Rádio Aliança.

A Polícia Civil de Santa Catarina lançou, em todo o estado, o projeto “PC por elas”, um programa voltado para atividades que tem o objetivo de reduzir os números de violência contra a mulher. Na última quinta-feira, dia oito, em menção ao Dia Internacional da Mulher, a Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, mulher e Idoso (DPCAMI) de Concórdia, através da Psicóloga Policial Francieli Benjamini e a Agente Policial Inês Renostro, que atuam respectivamente na Delegacia, promoveram rodas de conversa com adolescentes do oitavo ano, vespertino e matutino, do EBM Nações.


A atividade, que envolveu jovens com idades entre 13 e 14 anos, teve a participação de aproximadamente 40 alunos, membros da equipe pedagógica da escola e Vanessa Ávila da secretaria de Educação do Município.

 

Durante o encontro, foram expostas questões históricas e culturais ligadas a este tipo de violência, cultura machista e cultura do estupro, assim como também discutidos temas relacionados ao relacionamento abusivo.


As policiais trabalharam o tema a partir de exposição de vídeos que faziam alusão sobre comportamentos considerados abusivos e debates sobre violência de gênero.

 

No decorrer incentivaram os adolescentes a pensar sobre representações sociais bem como sobre a responsabilidade que homens e mulheres têm na mudança da realidade cultural do Brasil com relação a este tema, a começar pela educação dos filhos sem machismo.


No decorrer do ano, o tema será promovido também nas demais escolas das redes Municipal e Estadual.

 

(Fonte: Polícia Civil/via André Krüger).

COMENTE