ATENDIMENTO (49) 3441 2801
Já possui uma conta? Entrar | Cadastre-se

Faça login

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro. É rápido, fácil e garante acesso a diferentes serviços.

Cadastre-se

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro.

 

Prédio da UPA poderá ser usado para uma ESF
Assunto foi deliberado pelo Conselho Municipal de Saúde nesta semana
Publicado 06/12/2017
 

Por Analu Slongo

O prédio da Unidade de Pronto-Atendimento (UPA), construído no Jardim Europa, poderá ser destinado para uma nova unidade do Programa de Saúde da Família (ESF). Na última segunda-feira, quatro de dezembro, o Conselho Municipal de Saúde aprovou essa deliberação. O presidente do Conselho, Valdir Azeredo e Silva, conta que a proposta foi feita pela administração municipal e agora será encaminhada ao Ministério da Saúde.

 

Como há R$ 1,4 milhão do governo federal na construção da UPA e o Município pretende não devolver esse dinheiro, para o prédio ser usado para outra finalidade é preciso ter o aval do Ministério da Saúde. A Secretária Municipal de Saúde prefere ainda não se manifestar sobre o assunto neste momento.

 

 

A intenção é abrir uma ESF para atender os moradores dos loteamentos Jardim Europa, Portinari e arredores, mas ainda não há uma data definida para que isso aconteça. O custo aproximado para manter um programa de ESF é R$ 40 mil por mês.

 

Valdir Azeredo diz que a expectativa era que a UPA fosse aberta. “Como a administração tomou a decisão de não abrir a UPA, não podemos deixar essa estrutura parada, por isso aprovamos a ESF. Com certeza a UPA seria melhor e é para isso que aquela estrutura foi construída”, ressalta o presidente.

 

 

COMENTE

1 COMENTÁRIOS
  • luiz
    Enquanto isso em uma "cidade" do Oeste a quarta UPA, entrara em funcionamento em janeiro de 2018. Bem........aqui.........se perde tempo discutindo uma lei federal, se pode ou não abrir as lojas aos domingos. ACORDA CONCÓRDIA.